Espaço - Ciências - Fenômenos Naturais
Compartilhe! 

Editoria: Astronomia
Segunda-feira, 8 set 2014 - 10h01

Suposto meteorito explode e deixa cratera de 12 metros em Manágua

Informações ainda não confirmadas dão conta de que um possível meteorito caiu sábado na cidade de Manágua, deixando uma cratera de 12 metros de diâmetro. Testemunhas afirmam que o estrondo foi ouvido em toda a cidade e se assemelhava a um terremoto.

Soldado procura restos de meteorito na Nicarágua
Clique para ampliar

As notícias que chegam de Manágua, capital da Nicarágua, são bastante desencontradas e não se pode afirmar com absoluta certeza de que a cratera que apareceu próximo do aeroporto internacional tenha sido criada pelo impacto de um objeto espacial.

O suposto impacto ocorreu as 23h04 de sábado pela hora local (03h04 de domingo pelo Horário de Brasília) e produziu um estrondo extremamente forte, ouvido em toda a cidade de Manágua. Algumas horas mais tarde as autoridades locais apontaram o local do possível impacto, descrito como uma cratera de 12 metros de diâmetro e 5 metros de profundidade.

O evento de Manágua ocorreu doze horas antes da aproximação máxima do asteroide 2014 RC, que atingiu o ponto de maior aproximação com a Terra às 15h01 de domingo, o que fez algumas pessoas relacionarem os dois fatos.


Asteróide 2014 RC registrado na Austrália
Clique para ampliar

Em nota, o Instituto Nicaraguense de Estudos Territoriais, INETER, afirmou estar convencido de que a cratera foi provocada por um meteorito, dada as características das feições geológicas e forte cheio de queimado, além do estrondo que teria sido provocado pela onda de choque.

No entanto, existem controvérsias neste evento, já que não existe relatos sobre qualquer bola de fogo, mesmo tendo caído à noite sobre uma cidade com mais de 1 milhão de habitantes.

De acordo com alguns especialistas, diferentemente do que afirmou o INETER a cratera não tem características de ter sido produzida pelo impacto de um meteoro. Além disso, o buraco está situado muito perto das instalações de uma base militar da força aérea, dentro do aeroporto Internacional Sandino.



Artes: No topo, soldado nicaraguense pesquisa o local da suposta queda do meteorito. Acima, imagem feita 12 horas depois mostra o asteroide 2014 RC registrado através de telescópio robótico na Austrália. Créditos: El 19 Digital, Observatório Remanzacco, Apolo11.com






Apolo11.com - Todos os direitos reservados - 2000 - 2017
Política de Privacidade   |     Termo de Uso e Licenciamento   |  -   Entre em Contato

"O arado, a espada são extensões da mão; o microscópio, dos olhos; mas um livro é algo mais: é uma extensão da memória, do comhecimento" - Jorge L. Borges