Espaço - Ciências - Fenômenos Naturais
Compartilhe! 

Editoria: Fenômenos Naturais - Terremotos
Quinta-feira, 15 mai 2008 - 13h00

Radar mostra feições geológicas do epicentro do terremoto na China

Este mapa de elevação mostra a região onde ocorreu o violento terremoto de 12 de maio de 2008, próximo à região de Sichuan, no sudoeste da China.

O sismo, calculado em 7.9 graus Richter foi sentido também em diversas regiões da Ásia, ente elas Taiwan, Tailândia e Vietnã. Em apenas 24 horas o número de vítimas já havia chegado a 24 mil, sendo este o maior tremor de terra ocorrido na China nas últimas três décadas.

Clique aqui e leia a matéria do tremor

O mapa visto acima mostra a localização exata da região do evento. O verde do lado direito da cena representa as regiões mais baixas enquanto os tons quase beges vistos do lado esquerdo mostram as regiões elevadas.

A imagem foi composta no ano de 2000, através de dados coletados pela missão SRTM (Shuttle Radar Topography Mission), que orbitou a região asiática naquele ano. Sobrepostos à cena estão diversos indicadores de magnitude, relacionados ao abalo do dia 12 de maio. Pela cena vemos que o epicentro do evento foi localizado a 95 quilômetros a oeste-noroeste da cidade de Chengdu, enquanto o aftershocks (abalos secundários) ocorreram à nordeste do foco central, ao longo da cadeia de montanhas de Longmen Shan.

A maioria dos sismos que ocorrem na Ásia central e oriental são resultados da constante compressão da placa tectônica da Índia em direção à placa eurasiana. As duas placas convergem a uma velocidade de aproximadamente 50 milímetros ao ano, empurrando para cima todo o Platô Tibetano e ajudando a criar o terreno montanhoso mostrado na imagem.

Conforme estas placas colidem, a crosta abaixo do Platô Tibetano se move em sentido oeste em direção à forte crosta abaixo da Bacia de Sichuan. No dia 12 de maio, o estresse causado pela compressão provocou um intenso movimento vertical para cima, ao longo da cordilheira de Longmen Shan ou outras falhas vizinhas à margem noroeste da Bacia de Sichuan.

Arte: Jesse Allen, com dados da missão Shuttle Radar Topography Mission (SRTM)/ Nasa.







Apolo11.com - Todos os direitos reservados - 2000 - 2017
Política de Privacidade   |     Termo de Uso e Licenciamento   |  -   Entre em Contato

"Um instante mais e estarás esquecido de tudo; mais um instante, e todos estarão esquecidos de ti" - Marco Aurélio