Espaço - Ciências - Fenômenos Naturais
Compartilhe! 

Editoria: Mudanças Climáticas
Segunda-feira, 7 dez 2009 - 11h32

Cientista pode ter manipulado dados sobre o aquecimento Global

Às vésperas da conferência mundial sobre o clima que começa nesta segunda-feira (7) em Copenhague, uma suspeita criou indignação entre cientistas, pesquisadores e líderes políticos. Trocas de e-mails revelaram que o renomado climatologista britânico, professor Phil Jones, diretor da Unidade de Pesquisas sobre o Clima (CRU) da Universidade de East Anglia (Inglaterra), teria manipulado dados de pesquisas com o intuito de aumentar projeções dos efeitos do aquecimento global sobre o planeta.


Clique para ampliar

As mensagens vazaram depois que alguns hackers teriam invadido a rede da CRU e colocado on-line as conversas eletrônicas entre o professor Jones e outros especialistas.

Em um dos e-mails é mencionado um “truque” utilizado para alterar as estatísticas do aumento da temperatura na Terra, ocultando na realidade reduções de temperaturas. O cientista sob suspeita se defende e diz que a palavra “truque” foi utilizada fora de contexto e não está relacionada a nenhuma farsa.

Diante dos acontecimentos, o professor Phil Jones, renunciou temporariamente seu cargo na semana passada. Jones já recebeu mais de U$ 10 milhões para realizar pesquisas sobre o clima.

O Painel Intergovernamental sobre Mudanças Climáticas (IPCC), que recebe dados da CRU, anunciou que vai investigar as recentes acusações e deve se pronunciar sobre o assunto. “É um assunto sério e vamos estudar com detalhe", declarou o indiano Rajendra Pachauri, presidente do IPCC.

Até os prêmios do ex-presidente americano Al Gore estão em jogo, caso seja comprovado às alterações propositais dos dados. Al Gore ganhou o Oscar em 2007 por seu documentário “Uma verdade inconveniente”, quando alertou o mundo sobre as mudanças climáticas e suas graves consequências. O filme também o ajudou a ganhar o Prêmio Nobel da Paz no mesmo ano.

As alterações do clima não mais questionáveis, porém as exageradas projeções futuras podem ter sido manipuladas e a comunidade científica mundial exige explicações. Mais de 190 países estão reunidos na conferência do clima em Copenhague que vai até o dia 18 de dezembro, numa tentativa de estabelecer novas metas para a redução de emissões de gases do efeito estufa, que substituirá o Protocolo de Kyoto em 2012.


Foto: Cientista britânico Phil Jones, durante visita ao Laboratorio de Estudos Climáticos, (LCS), da Administração Meteorológica da China. Crédito: LCS.






Apolo11.com - Todos os direitos reservados - 2000 - 2017
Política de Privacidade   |     Termo de Uso e Licenciamento   |  -   Entre em Contato

"Amargas são as lágrimas derramadas, mas ainda mais amargas são as que não se derramam" - Provérbio irlandês