Espaço - Ciências - Fenômenos Naturais
PERGUNTAS E RESPOSTAS SOBRE TERREMOTOS

O que é réplica e quanto tempo dura?

Após um terremoto de grande magnitude é normal o surgimento de múltiplos tremores de menor intensidade. Esses eventos são chamados de réplicas ou aftershocks e muitas vezes são extremamente intensos, causando danos tão severos quanto o evento principal.

Rélicas do terremoto de 8.8 graus no Chile

As réplicas são abalos disparados pelo tremor principal, que age como gatilho no deslocamento ou afundamento de determinadas áreas ao longo de uma falha ou interface entre placas, colaborando de alguma maneira para que zonas altamente instáveis liberem a energia armazenada na forma de um novo terremoto.

As réplicas que ocorrem após terremotos de grande intensidade podem durar muito tempo, até mais de um ano e sempre ocorrem ao longo da mesma falha, que muitas vezes só pode ter seu tamanho estimado através de uso de modelos computacionais.

Não existe um consenso de quando um abalo deixa de ser uma réplica para ser um novo terremoto, mas após um longo período de inatividade detectada na mesma zona o tremor já pode ser considerado um novo evento, sem relação com o sismo anterior.

O tempo para isso também não é fixo, mas para terremotos de grande magnitude um período de calmaria de aproximadamente um ano pode ser considerado satisfatório.


Arte: Mapa destaca o intenso terremoto ocorrido no Chile em 26 de fevereiro de 2010. O tremor, de 8.8 graus de magnitude foi seguido de fortes réplicas, algumas delas próximas a 7.0 graus, que provocaram danos tão severos quanto o evento principal.


Perguntas e Respostas Frequentes
Perguntas e Respostas Frequentes
Apolo11.com - Todos os direitos reservados - 2000 - 2017
Política de Privacidade   |     Termo de Uso e Licenciamento   |  -   Entre em Contato

"Cada vez que eu indico alguém para um cargo, crio 10 inimigos e um ingrato" - Molière