Espaço - Ciências - Fenômenos Naturais
Compartilhe! 

Editoria: Astronomia
Sexta-feira, 1 jun 2012 - 06h33

Ao vivo: trânsito de Vênus é espetáculo astronômico do século

No dia 5 de junho, o céu será palco de um raro fenômeno celeste que nenhum ser humano vivo poderá presenciar outra vez. Trata-se do trânsito de Vênus, um momento muito especial em que o brilhante planeta cruzará o disco solar. Tão raro que o próximo só vai acontecer em 2117.

Os trânsitos de Vênus são muito raros e acontecem em pares separados por mais de 100 anos. O evento dessa terça-feira é o par do trânsito ocorrido em 2004 e o próximo par será daqui a 105 anos.

O trânsito de 2012 terá cerca de 7 horas de duração e terá início 22h09 UTC, ou 19h09 pelo horário de Brasília. O fim do evento ocorrerá às 04h49 UTC ou 01h49 BRT do dia 6.


Locais para ver
A passagem de Vênus na frente do Sol poderá ser acompanhada por observadores em sete continentes. No Brasil, o evento só poderá ser visto parcialmente em algumas localidades do extremo oeste do Acre e Amazonas e mesmo assim apenas durante alguns minutos. O motivo é que na maior parte do país o Sol estará abaixo do horizonte quando o trânsito começar.

Cruzeiro do Sul, no Acre, é a cidade que mais será favorecida. No dia 5 de junho o Sol se põe às 18h40 pelo horário local, ou as 22h40 UTC. Como o trânsito começa as 22h09 UTC, os observadores daquela cidade poderão ver o evento durante cerca de 31 minutos. No entanto, a observação será limitada a uma fração do trânsito e Vênus será visível apenas na borda da estrela. Em seguida o Sol se põe.

Na América do Sul os melhores lugares são os pontos ocidentais extremos do continente. Nos EUA a observação será amplamente documentada e o Sol ainda estará a pino quando o trânsito começar. No Havaí, diversos telescópios solares já estão prontos para transmitir ao vivo o evento.


Primeiros Mistérios
Os trânsitos de Vênus chamaram a atenção mundial no século 18. Naquela época, o tamanho do Sistema Solar era um grande mistério para a ciência e apesar das distâncias absolutas dos planetas serem conhecidas, as distâncias relativas eram incertas.

Afinal, qual a distância que era preciso viajar para chegar a outros mundos? As respostas eram tão misteriosas quanto a natureza da matéria escura é nos dias de hoje.

Para o astrônomo Edmund Halley, a chave para essa pergunta estava em Vênus. Halley compreendeu que se observasse trânsitos planetários a partir de muitas localidades diferentes poderia triangular a distância de Vênus usando simplesmente o princípio da paralaxe.

A ideia de Halley encantou os cientistas, que partiram em expedições ao redor do mundo para ver o par de trânsitos ocorrido na década de 1760. Um dos maiores exploradores da época, James Cook, foi enviado até o Taiti, um lugar tão estranho para os europeus da época como a Lua ou Marte podem parecer para nós nos dias de hoje.

Apesar dos esforços e da grande empolgação, o mau tempo, aliado à óptica primitiva dos instrumentos e a "imprecisão" natural da atmosfera de Vênus, além de outros fatores impediram que os primeiros observadores registrassem os dados necessários.

Como os trânsitos não acontecem todos os dias, os astrônomos precisaram esperar mais 100 anos até que um novo par de trânsitos e a invenção da fotografia pudessem auxiliar e no final de 1800, pela primeira vez o tamanho do Sistema Solar foi medido, exatamente como Edmund Halley tinha sugerido.


2004
Em 2004 os cientistas abandonam as medições do trânsito de Vênus por paralaxe, mesmo assim houve muito interesse no evento já que os pesquisadores tentaram medir o padrão de obscurecimento da luz solar durante a passagem do planeta na frente da estrela. O objetivo foi refinar as técnicas que são usadas até hoje na busca por planetas extrassolares.


2012 Ao Vivo
Apesar do trânsito de Vênus de 2012 não ser visível na maior parte do Brasil, você não vai precisar esperar até o ano de 2117 para observa-lo. Você poderá acompanhar o evento no conforto da sua casa aqui mesmo no ApoloChannel.

O trânsito planetário será transmitido na íntegra - ao vivo - na noite do dia 5 de junho, a partir das 19 horas. Além disso, você poderá participar de um chat em tempo real entre os usuários que estarão assistindo ao fenômeno. Melhor que isso, só se for para assistir em alguma praia paradisíaca no Taiti!


Veja também
Telescópio Hubble usará a Lua como espelho para observar trânsito de Vênus



Artes: No topo, representação gráfica mostra como será o trânsito de Vênus de 5 de junho de 2012. Acima, imagem mostra como o trânsito de Vênus foi registrado em 6 de dezembro de 1882.






Apolo11.com - Todos os direitos reservados - 2000 - 2017
Política de Privacidade   |     Termo de Uso e Licenciamento   |  -   Entre em Contato

"A guerra é mais difícil de começar do que de acabar." - Salústio - historiador - 86-35 a.C