Espaço, Ciência e Tecnologia. Educação Científica.
Tudo o que acontece na Terra e no espaço
você encontra aqui.
     

Editoria: Astronomia
Sexta-feira, 11 abr 2014 - 11h18

Lua de Sangue: Eclipse total tingirá a Lua de vermelho

Atualização: 15 de abril
Espetáculo no céu. Eclipse total tinge a Lua de Vermelho!

Um espetacular eclipse total da Lua foi registrado durante esta madrugada e como previsto coloriu nosso satélite natural com um tom bastante avermelhado, justificando o nome "Lua de Sangue" dado pelos mais supersticiosos. Se você perdeu, veja como foi!

Eclipse total da Lua visto de Fortaleza, CE
Clique para ampliar

O fenômeno teve início às 03h00 desta terça-feira e pode ser visto em diversas partes do mundo. No Brasil, em diversas localidades o tempo não ajudou muito, mas onde as nuvens deram uma trégua a observação foi deslumbrante, com a Lua sendo obscurecida lentamente pelo cone de sombra da Terra.

O ápice do evento ocorreu às 04h00. Mergulhada na umbra, a área mais escura do cone de sombra, a Lua adquiriu uma tonalidade bastante avermelhada provocada principalmente pela refração da luz solar na alta atmosfera, fazendo com que apenas o seguimento avermelhado do espectro fosse projetado contra o satélite.

O eclipse durou cerca de 3.5 horas, com a Lua vermelha transitando pela umbra por 78 minutos. O próximo evento desse tipo, o segundo de uma série de quatro, ocorrerá em 8 de outubro de 2014.

Até lá, bons céus!



Artes: no topo, cenas do eclipse total registrado da cidade de Fortaleza, CE, pela astrônoma amadora Christine Leão. Na sequência, vídeo timelapse mostra os principais momentos da fase umbral, como transmitido ao vivo pela NASA/Marshall Space Flight Center. Créditos: Christine Leão, NASA, Apolo11.com.




Atualização: 14 de abril
Ao Vivo! Eclipse total pode tingir a Lua de vermelho esta noite
Na madrugada de terça-feira teremos o primeiro de uma série de quatro eclipses totais da Lua. O evento fará a Lua adquirir uma tonalidade avermelhada e escura. Será um evento relativamente raro, que você também poderá acompanhar ao vivo aqui no Apolo11. Será Imperdível!



O eclipse total da Lua ocorrerá na madrugada de segunda para terça-feira e poderá ser visto em todo o Brasil. O início da fase umbral começa volta das 03h00 BRT (Horário de Brasília) e chega ao ápice às 04h46 BRT. O eclipse se prolongará até às 05h06 BRT, quando lentamente nosso satélite voltará a ser iluminado pelo Sol.

Para assistir ao eclipse basta encontrar a Lua que ruma em direção ao quadrante oeste.


NASA AO VIVO em HD
Diversos sites e institutos farão a transmissão em tempo real do evento, mas devido às condições meteorológicas o Apolo11 não transmitirá o eclipse ao vivo de São Paulo. Mesmo assim, você pode acompanhar o fenômeno em Alta-Definição (HD) através do Marshall Space Flight Center, da NASA, a partir das 02h00 da madrugada de terça-feira. Ele será transmitido na janela no topo desta página.



Artigo inicial - 11 abril 2014
Lua de Sangue: Eclipse total tingirá a Lua de vermelho

Na próxima terça-feira, um fenômeno astronômico relativamente raro fará a lua cheia parecer tingida de vermelho. O evento é o primeiro de uma série de quarto eclipses totais da Lua, uma sequência rara que só acontecerá mais sete vezes neste século.


Conhecido como tétrade, a última série de quatro eclipses seguidos ocorreu nos anos de 2003 e 2004. O evento de terça-feira é o primeiro desta tétrade. Os próximos três eclipses ocorrerão em 08/10/2014, 04/04/2015 e 28/09/2015.

O eclipse total da Lua ocorre quando nosso satélite mergulha completamente na região mais escura do cone de sombra da Terra, o que faz com que os raios do Sol, posicionado atrás da Terra, sejam bloqueados. Neste momento, ao invés de desaparecer no céu devido à falta de iluminação, a Lua adquire um tom avermelhado.

Na antiguidade os eclipses totais da Lua eram chamados de "Luas de Sangue" devido à cor vermelha e eram normalmente associados às catástrofes ou ao fim do mundo.


Como acontece
Quando qualquer corpo esférico é iluminado por uma fonte pontual de luz, são produzidos dois cones de sombra, chamados de penumbra e umbra. Em condições ideais a região da umbra é totalmente escura, enquanto a penumbra ainda recebe um parte da luz. Durante um eclipse lunar acontece o mesmo, com o Sol fazendo o papel da fonte de luz pontual. Assim, fortemente iluminada, a Terra produz dois cones de sombra que são projetados no espaço.


Cor da Lua vermelha
Clique para ampliar

Em algumas ocasiões, o movimento de translação da Lua ao redor da Terra a situa dentro do cone da penumbra. Esta ocasião recebe o nome de eclipse penumbral e é muito difícil de ser observado já que a diminuição de luz dentro deste cone é muito baixa para ser percebida. Em outras situações, como do dia 15, a Lua mergulha exatamente dentro da zona de sombra da umbra, ocorrendo então o eclipse total.


Lua de Sangue
Como explicado, Lua de Sangue é o nome que se dá ao eclipse total da Lua, que parecerá tingida de vermelho. Isso acontece porque uma pequena fração dos raios solares sofre um desvio, ou refração, nas altas camadas da atmosfera. A refração decompõe a luz em várias cores (arco-íris) e devido à geometria do raio a porção vermelha do espectro luminoso atinge diretamente a lua, dando-lhe essa coloração típica.

Além da refração, as condições atmosféricas também contribuem para a cor da Lua no momento do eclipse, que pode se apresentar alaranjada, avermelhada ou até mesmo marrom escuro. Partículas em suspensão geradas por erupções vulcânicas também colaboram para avermelhar ou escurecer ainda mais o satélite.


No Brasil
O eclipse total da Lua do dia 15 de abril poderá ser visto em todo o Brasil e ocorrerá por volta das 03h00 BRT (Horário de Brasília) de terça-feira. Para vê-lo, basta encontrar a Lua que ruma em direção ao quadrante oeste.


O início da fase penumbral, menos visível, tem início à 01h54 BRT. Às 03h01 BRT a Lua penetra na região da umbra, quando o satélite começa a adquirir a coloração avermelhada. Essa fase é facilmente reconhecida por uma espécie de "mordida" na borda do disco lunar.

A fase umbral chega ao ápice às 04h46 BRT e se prolongará até às 05h06 BRT, quando lentamente nosso satélite voltará a ser iluminado pelo Sol que se aproxima do horizonte oposto.

Bons céus!


Artes: no topo, vídeo mostra em câmera rápida como será o eclipse total da Lua em 15 de abril de 2014. Acima, diagrama mostra como ocorre a refração dos raios de Sol, que faz a parte vermelha do espectro luminoso tingir a Lua de vermelho. Créditos: Apolo11.com.


Direitos Reservados
É vedada a utilização deste texto

Leia nosso Termo de Uso e saiba como publicar este material em seu site ou blog

URL curta dessa página: http://tinyurl.com/kng3y3q




Pesquise no Apolo11
Utilize a caixa de pesquisa personalizada
Custom Search







IMAGENS DE SATÉLITES !    Clique e conheça nosso Vídeo Workshop de sensoriamento remoto e imagens meteorológicas.
Apolo11.com - Todos os direitos reservados - 2000 - 2014
Política de Privacidade   |     Termo de Uso e Licenciamento

"A liberdade é, na filosofia, a razão; na arte, a inspiração, na política, o direito" - Victor Hugo