Espaço - Ciências - Fenômenos Naturais
Compartilhe! 

Editoria: Aventuras e Expedições
Quarta-feira, 21 out 2009 - 08h07

Arqueológos exploram cidade grega submersa há 5 mil anos

Arqueológos britânicos trabalham em um projeto para desvendar a história da cidade mais antiga submersa do mundo: as ruínas de Pavlopetri, próximas da costa sul da Lacônia na Grécia.


Clique para ampliar

Os vestígios da cidade foram descobertos há 40 anos e hoje já se sabe que Pavlopetri é pelo menos um milênio mais velha do que se imaginava e tem 5 mil anos.

O arqueólogo Nicholas Flamming foi o primeiro a mapear a região em 1968 e agora integra a nova equipe de especialistas que vai explorar as ruínas no fundo do mar a cerca de quatro metros de profundidade.

Quem comanda o grupo que trabalha com o governo grego é o arqueólogo submarino Jon Henderson da Universidade de Nottingham, na Inglatera.

Os arqueólogos vão explorar a região nos próximos cinco anos e tentar
descobrir quem viveu em Pavlopetri e por que a cidade desapareceu.

É uma verdadeira cidade debaixo d'água, com ruas, pátios e edifícios quase intactos que datam de pelo menos 2.800 AC. Recentemente, um prédio de 35 metros de altura foi descoberto pelos estudiosos.


As ruínas de Pavlopetri foram decobertas há 40 anos, mas só agora os arqueólogos estão desvendando os mistérios submersos. Crédito: Ministério da Cultura da Grécia







Apolo11.com - Todos os direitos reservados - 2000 - 2018
Política de Privacidade   |     Termo de Uso e Licenciamento   |  -   Entre em Contato

"Roubar não é só meter a mão na carteira das pessoas. Roubar é gastar errado com mordomias, com obras faraônicas, privilegiando quem já tem." - Ciro Gomes