Espaço - Ciências - Fenômenos Naturais
Compartilhe! 

Editoria: Espaço - Tecnologias
Terça-feira, 21 nov 2006 - 13h33

INPE lança balão com telescópio japonês de raios-x

O Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais, INPE, lançou no último domingo, a partir de sua base em Cahoeira Paulista, SP, um balão extratosférico carregando o experimento SUMIT, pertencente à universidade japonesa de Nagoya e ao Instituto de Ciências Astronáuticas e Espaciais, do Japão.

O SUMIT, sigla em inglês para SuperMirror Imaging Telescope experiment (Experimento telescópico com Super Espelho Imageador), é um dos mais modernos experimentos com balão estratosférico de observação de raios X altamente energéticos através de técnicas de focalização utilizando ótica geométrica.

O instrumento permitirá que os astrônomos façam imagens em alta resolução de objetos no espaço que não podem ser observados com a tecnologia atual, e ajudará a entender a organização de grandes estruturas do Universo, como os aglomerados de galáxias.

Antes do lançamento de domingo, as duas entidades realizaram diversos testes, entre eles o lançamento de alguns balões-sonda, que atingiram 32 mil metros.

O lançamento do balão com os instrumentos a bordo ocorreu às 19h03 (Hora de Brasília) e 26 minutos mais tarde já atingia a altitude de 10 mil metros. Às 21h00, dados de telemetria confirmavam que o artefato alcançava a altitude de 28 mil metros e que as câmeras e planos focais estavam corretos. O balão atingiu o teto máximo às 22h40. Nesse momento sua altitude era de 35 mil metros.

O balão com o experimento japonês permaneceu nesta altitude até aproximadamente às 06h45 da manhã de ontem. De acordo com informações da Universidade de Nagoya, os dados telemétricos e imagens ainda estão sendo analisados.

O INPE ainda não informou se o balão e sua carga foi recuperado.

Nas fotos, cedidas pela Universidade de Nagoya, vemos três momentos que antecederam ao vôo de domingo. No topo, algumas horas antes, o balão é preenchido com gás hélio. Na imagem central, um guindaste suspende o telescópio de 800 quilos. Nas últimas imagem podemos ver o balão ganhando altitude sob o céu de Cachoeira Paulista, rumo à estratosfera.







Apolo11.com - Todos os direitos reservados - 2000 - 2018
Política de Privacidade   |     Termo de Uso e Licenciamento   |  -   Entre em Contato

"As leis não são feitas para o homem bom" - Sócrates