Espaço - Ciências - Fenômenos Naturais
Compartilhe! 

Editoria: clima_meteodat_20070726-200940.inc
Quinta-feira, 21 mai 2009 - 07h30

Meteorologia estuda impacto do tempo na saúde da população

Os brasileiros estão acostumados a mudanças bruscas de temperatura, mas quando associadas à poluição costumam aumentar e muito os problemas de saúde, como bronquite, asma, infartos e até derrames.

Foi pensando nesse cenário, que cientistas e meteorologistas se uniram e estão iniciando uma pesquisa que poderá ser extremamente útil no futuro. Um estudo vai medir o impacto do clima na saúde da população das grandes cidades.

A análise se baseia na comparação de milhares de dados de internações hospitalares e óbitos com informações sobre mudanças repentinas no tempo. O objetivo é encontrar uma maneira de alertar a população para uma ação preventiva cada vez que o tempo for virar e assim proteger melhor a saúde.

Dados divulgados pelo Laboratório de Poluição da Universidade de São Paulo (USP), mostram que sete idosos morrem a mais por dia quando a temperatura cai muito rápido. Nas ondas de calor, são três mortes de idosos a mais por dia.

“Eu posso dar um aviso três dias antes e as pessoas que sofrem de asma, por exemplo, podem se proteger da melhor forma possível para se prevenir desse risco”, explica a idealizadora do projeto, a meteorologista Micheline Coelho do Instituto Nacional de Meteorologia.

“Não é saber só se vão sair com guarda-chuva ou um agasalho. É saber como proteger sua saúde”, diz o coordenador do laboratório de poluição da USP, Paulo Saldiva.

O trânsito carregado da cidade de São Paulo concentra altos níveis de poluição. O monóxido de carbono, material particulado, dióxido de enxofre, aliados ao tempo seco aumentam as doenças respiratórias em números alarmantes.

Com o novo estudo, será possível prever até com uma semana de antecedência quantas internações hospitalares serão provocadas por influência do tempo.

Foto: Dados divulgados pelo Laboratório de Poluição da Universidade de São Paulo (USP), mostram que sete idosos morrem a mais por dia quando a temperatura cai muito rápido. Nas ondas de calor, são três mortes de idosos a mais por dia.







Apolo11.com - Todos os direitos reservados - 2000 - 2018
Política de Privacidade   |     Termo de Uso e Licenciamento   |  -   Entre em Contato

"As leis não são feitas para o homem bom" - Sócrates