Espaço - Ciências - Fenômenos Naturais
Compartilhe! 

Editoria: Clima e Meteorologia
Segunda-feira, 13 fev 2006 - 07h54

Nova York registra a segunda maior nevasca da história

A cidade de Nova York, EUA, registrou neste domingo a segunda maior nevasca da sua história. De acordo com o NWS, o serviço meteorológico norte-americano, foram precipitados sobre a cidade 660 milímetros de neve.

Em 1947 a precipitação foi de 671 milímetros.

Na imagem acima, feita pelo satélite de órbita polar NOAA-18, vemos em destaque o pequeno centro de baixa pressão que causou a nevasca.

A tempestade de neve atingiu a maior parte da costa leste dos Estados Unidos e em Nova York quase uma dezena de aeroportos tiveram de ser fechados e milhares de pessoas ficaram sem eletricidade.

A frente polar entrou no estado da Virgínia na noite de sábado e conforme avançava pela costa leste, cobria um a um todos os Estados.

À intensa nevasca se uniu o vento, que em alguns lugares ultrapassou os 60km/h, o que contribuí para deixar sem eletricidade 120 mil moradores de Washington e 70 mil em Maryland.

Na tarde de domingo a camada de neve no Central Park chegou a medir 650 milímetros. Em Boston a neve chegou a 330 milímetros e em Baltimore, no Estado de Maryland, foram precipitados pelo menos 380 milímetros.

Foto: Na cidade de Jersey a neve cobriu diversos carros, deixande de fora apenas as antenas e espelhos. (Marko Georgiev/The New York Times)


  • Meio Ambiente
  • Invenções e Descobertas
  • Arqueologia
  • Curiosidades
  • Terremotos
  • Aventuras
  • Energias Alternativas
  • Ônibus Espacial Discovery
  • Sobre o telescópio Hubble
  • Tecnologia Espacial
  • Brasil no Espaco
  • Sonda Stardust
  • Exploração Plutão
  • Exploração a Saturno
  • Exploração a Marte
  • Exploração a Júpiter
  • Notícias em Destaque






  • Apolo11.com - Todos os direitos reservados - 2000 - 2018
    Política de Privacidade   |     Termo de Uso e Licenciamento   |  -   Entre em Contato

    "A gente só diz sim ou não no casamento e, ainda assim, às vezes erra." - Itamar Franco