Espaço - Ciências - Fenômenos Naturais
Compartilhe! 

Editoria: Espaço - Tecnologias
Domingo, 17 mai 2009 - 20h49

Ao vivo: Hubble recebe novos instrumentos no final de semana

Os astronautas da missão STS-125 realizaram neste final de semana a terceira e quarta caminhada espacial e trocaram com sucesso mais três instrumentos do super telescópio Hubble: o Espectrógrafo de Origens Cósmicas, COS, a Câmera de Pesquisa Avançada, ACS e o Espectrógrafo Imageador do Telescópio Espacial, STIS.


EVA 3 - Sábado
No sábado, as tarefas externas foram realizadas pelos especialistas John Grunsfeld e Andrew Feustel, que completaram a troca do COS e da ACS em 6 horas e 36 minutos. Os trabalhos tiveram início às 09h35 com a remoção do antigo COSTAR, uma espécie de "lente de contato" instalada no Hubble há 16 anos com o objetivo de corrigir um erro na fabricação do espelho. A remoção foi necessária para abrir espaço para o novo instrumento COS, um espectroscópio que "vê" apenas no comprimento de onda ultravioleta e que permitirá aos cientistas conhecerem os elementos químicos que compõe as estrelas e galáxias.

Após a troca do instrumento, Grunsfeld e Feustel deram sequência ao conserto da câmera ACS, uma das principais câmeras do Hubble e responsável pelas mais belas imagens captadas pelo telescópio. De acordo com a Nasa, o conserto desses dois equipamentos foi comparado a uma verdadeira cirurgia cerebral, tamanha a complexidade e delicadeza da operação.

Os testes do instrumento ainda estão sendo feitos pelos engenheiros do Centro de Controle de Operações do Telescópio, localizado junto ao Centro Espacial Goddard e caso achem necessário os astronautas precisarão realizar uma nova EVA para novos trabalhos. A calibração final do COS poderá demorar diversas semanas.


EVA 4 - Domingo
No domingo foi a vez dos astronautas Michael Massimino e Mike Good saírem da Atlantis. O objetivo dos especialistas era reparar o Espectrógrafo Imageador do Telescópio Espacial, STIS, instalado durante a segunda missão de serviço em 1997 e parcialmente parado desde 2004 devido a um curto-circuito. Desde então o instrumento era mantido em modo de segurança.

Ao contrário da EVA anterior que foi realizada dentro do prazo, Good e Massimino levaram 7 horas e 40 minutes para completar a tarefa de conserto da câmera. Os problemas começaram quando um dos quatro parafusos que dão acesso aos instrumentos "emperrou", forçando os astronautas e engenheiros da Nasa a trocarem diversas vezes as pontas da chave de fendas, mas sem sucesso.

O problema foi resolvido sem a remoção do parafuso, quando Massimino recebeu sinal verde dos engenheiros para "forçar" um dos suportes e tentar romper o prendedor. A idéia deu certo e os trabalhos de manutenção puderam continuar.

Os problemas voltaram a ocorrer instantes depois, durante a remoção dos 111 parafusos que prendem a cobertura metálica do instrumento STIS. Desta vez o problema ocorreu com uma das caras chaves de fenda que simplesmente parou de funcionar, obrigando Massimino a retornar ao ônibus espacial para trocar a ferramenta por outra de reserva.

A tampa só foi removida após duas horas de trabalho, permitindo que o especialista alcançasse a placa de componentes eletrônicos do instrumento. Depois de inspecionar a nova placa, Massimino finalmente substituiu o equipamento, recebendo dos engenheiros a confirmação de que o instrumento estava operando corretamente.


EVA 5 - Segunda-feira
Nesta segunda-feira os astronautas realizarão o último passeio espacial ao Hubble, onde instalarão um conjunto de sensores de posicionamento e farão a troca de um segundo grupo de baterias.

Além das tarefas programadas, os astronautas também deverão trocar o dispositivo NOBL, que deveria ter sido substituído no domingo, mas que foi adiado devido ao excessivo tempo da missão. O NOBL é uma espécie de cobertura de aço que protege o telescópio do severo ambiente espacial, fornecendo proteção térmica para os equipamentos dentro do Hubble.

Leia também:
Saiba tudo sobre o conserto do Telescópio Hubble


Veja ao Vivo!
Como nas outras ocasiões, todas as atividades da missão podem ser acompanhadas ao vivo pelo Apolochannel, que retransmite a Nasa-TV. Veja abaixo a programação da missão. Todas as datas estão no horário de Brasília. Veja ao vivo - ApoloChannel

11 maio - 15h01 - Lançamento do ônibus espacial
12 maio - 10h01 - Inspeção da proteção térmica da estrutura do ônibus
13 maio - 13h54 - Captura do Telescópio Hubble
14 maio - 09h16 - 1º passeio espacial: Instalação da Câmera de Campo Largo
15 maio - 09h16 - 2º passeio espacial: Substituição dos giroscópios e baterias
16 maio - 09h16 - 3º passeio espacial: Instalação do instrumento COS - Câmera de Origens Cósmicas
17 maio - 09h16 - 4º passeio espacial: Reparo do Espectrógrafo Imageador STIS
18 maio - 09h16 - 5º passeio espacial: Reparo do sensor de guiagem fina e substituição de baterias
19 maio - 09h53 - Liberação do telescópio Hubble
19 maio - 13h51 - Última inspeção do escudo de proteção térmica
20 maio - 09h31 - Conferência de imprensa com os astronautas
21 maio - 08h11 - Checagem dos sistemas de vôo da Atlantis
21 maio - 13h16 - 1º Entrevista com os astronautas
21 maio - 18h01 - 2º Entrevista com os astronautas
22 maio - 12h41 - Retorno da Atlantis ao Centro Espacial Kennedy


Foto: No topo, astronautas Andrew Feustel e John Grunsfeld durante a terceira atividade extraveicular (EVA), realizada no sábado, 16 de maio. No canto esquerdo superior Andrew Feustel trabalha no Hubble enquanto John Grunsfeld, abaixo, acena para as câmeras. Acima, dois vídeos mostram os melhores momentos da EVA 3 e EVA 4 , transmitidas ao vivo pela Nasa-TV. Crédito: Nasa/Nasa-TV/Youtube.







Apolo11.com - Todos os direitos reservados - 2000 - 2018
Política de Privacidade   |     Termo de Uso e Licenciamento   |  -   Entre em Contato

"Um tolo com instrução é um tolo maior que um com falta dela." - Benjamim Franklin