Espaço, Ciência e Tecnologia. Educação Científica.
Tudo o que acontece na Terra e no espaço
você encontra aqui.
     

Curso para Formação de NUDEC’s em Santos

Notícia enviada em 16/07/2011
por Sandra Silva - /SP
Estão abertas as inscrições para os próximos cursos que serão realizados nas três primeiras segundas-feiras de Agosto, a partir das 19hs, no CAIS (antigo Colégio Santista), Rua 7 de Setembro, 34. Telefone para inscrições 3208-1000 e 3208-1043. O curso oferece noções de Primeiros Socorros, Prevenção e Combate a incêndios e de Defesa Civil.

Segundo o Coordenador de riscos geológicos, Ernesto Tabuchi, nesse novo formato já foram realizados 11 cursos desde 2008, tendo participado cerca de 200 pessoas. Porém, ainda não conseguiram atingir o interesse da população de áreas como os Diques, onde existem elevados riscos, tanto de natureza humana social como naturais.

Em Santos, de acordo com informações do Coordenador, estão ativos seis NUDEC’s (Caruara, Tiro Naval, Monte Serrat, Mangue Seco, Ilhéu Baixo e São Manoel), e cerca de 10 em formação. “A pretensão é difundir por toda a cidade com enfoque em áreas mais vulneráveis. O bom é que a expectativa neste ano de procura pelo curso tem sido superada“, segundo ele o motivo do aumento de interesse, foram os eventos dos últimos anos no Brasil, sobretudo na região Serrana do Rio.

O Coordenador também explica que para a organização dos NUDEC’s são necessárias 10 pessoas - no mínimo - da comunidade que possam trabalhar em conjunto. Ou seja, não adianta terem 10 pessoas que morem em um mesmo bairro, porém, afastadas uma da outra. Existem bairros grandes que comportam vários núcleos e a proximidade desses agentes é importante para as ações imediatas.

“Não há um limite pré estipulado para a formação desses Núcleos, porém, pretendemos formar pelo menos 10 grupos por ano”, afirma Ernesto, destacando que os critérios são baseados no voluntarismo e compreensão do espírito do trabalho.

Entenda o que é NUDEC

Para situar as NUDEC’s, temos que entender como funciona o Sistema de Defesa civil no Brasil. Ele está diretamente subordinado ao Ministério de Integração Nacional, em Brasília. Esse sistema é integrado pelas coordenadorias Estaduais de Defesa civil (Cedec) que atuam em cada estado. Nos municípios, este trabalho é de responsabilidade da Coordenadoria Municipal de Defesa Civil (Comdec). Dentro do município, cabe a Prefeitura o papel e a responsabilidade de incentivar a criação dos Núcleos de Defesa Civil (NUDEC).

Este é o elo mais importante e base desse Sistema, pois é formado por cidadãos da comunidade, através do trabalho voluntário em ações preventivas e educativas. Esses cidadãos recebem treinamentos que possibilitam identificar riscos locais, além de prestar socorro imediato nas situações de calamidades e emergências.

Em todo o Brasil municípios se mobilizando para a formação desses Núcleos.

Sandra Silva enviou 1 notícia








  ENVIE SUA NOTÍCIA   Edite sua assinatura
  
Cadastre sua assinatura


Título da Notícia


Escreva sua Notícia


Envie uma Foto (opcional)
     Ajuda




Seu Nome

Seu E-mail

Estado



Digite o código ao lado
SEM o primeiro caractere


  


Dicas para um bom texto

1 - Não escreva tudo em maiúsculas ou minúsculas. Use os acentos corretamente.
Use sempre um corretor ortográfico!

2 - Não escreva seu texto com apenas 1 parágrafo: com certeza faltarão informações.

3 - Não escreva textos longos: serão cansativos. Dê brilho à sua notícia. Seja um redator!

4 - Dê preferência às notícias em tempo real, que ocorrem próximos à você, como tremores, fenômenos atmosféricos, astronômicos, óticos e até de condições do trânsito comprometidas por fenômenos naturais.


MUITO IMPORTANTE

1 - Antes de serem publicados, todos os textos serão verificados.

2 - A cópia de material da internet é ilegal.
As notícias ou matérias devem ser escritas pelo próprio internauta.
Fotos enviadas devem ser livres de direitos autorais.

Apolo11.com - Todos os direitos reservados - 2000 - 2019
Política de Privacidade   |     Termo de Uso e Licenciamento   |  -   Entre em Contato

"Arranja dinheiro antes de mais nada: a virtude virá depois" - Horácio (65 aC)