Espaço, Ciência e Tecnologia. Educação Científica.
Tudo o que acontece na Terra e no espaço
você encontra aqui.
     

Incrível diferença de pluviosidade entre Santos e Guarujá

Notícia enviada em 11/07/2014
por Rodolfo Bonafim - São Paulo/SP
Havia comentado anteriormente que o intenso nevoeiro de advecção, a típica neblina litorânea que perdurou entre intervalos por dois dias na Baixada Santista na semana passada, dias 04 e 05 de julho de 2014) só iria mesmo se dissipar quando entrasse um novo sistema meteorológico, por exemplo áreas de instabilidade a partir de uma frente fria. E foi exatamente assim, pois a condição de nevoeiro em princípio estava sustentada por um sistema de tempo estável (alta pressão), até que a partir de domingo passado (dia 06 de julho), foi se dissipando o nevoeiro devido à aproximação de áreas de instabilidades de uma frente fria.

Mas, o tema em questão mesmo, trata dos efeitos dessa nova frente fria: ela em si trouxe frio não intenso para o estado paulista, porém, o que está mais marcando este sistema de tempo, é a pluviosidade, pois desde segunda-feira (dia 07 de julho), apesar de períodos de melhoria, os dias têm sido predominantemente nublados ou encobertos, com pouca insolação e chuviscos e chuvas isoladas, principalmente em Santos e São Vicente. Até aí, nenhuma novidade! O notável mesmo deste relato, é que a frente fria estacionou entre os litorais paulista e fluminense, devido à pressão de uma massa de ar quente, que dominou as condições do pequeno veranico da semana passada. Além disso, anteontem, dia 09 de julho, novas áreas de instabilidades em altitudes medianas da atmosfera (cavado, ou área de baixa pressão alongada) que avançaram desde o estado do Paraná, reforçaram a convergência do aporte de umidade do mar para a costa propiciada pela frente estacionária, provocando a intensificação da chuva, que até então tinha atingido níveis baixos. Esse reforço acabou tendo efeito significativo no município do Guarujá, quando entre às 17 horas do dia 09 e às 17 horas do dia 10, ou seja, no intervalo de 24 horas, choveu cerca de 118 milímetros por metro quadrado na região da Praia das Pitangueiras. Em outras áreas do Guarujá, choveu até mais: cerca de 150 milímetros... Em comparação, observe-se a discrepância: em Santos, na estação da ONG Amigos da Água, mantida por mim em Santos, no mesmo intervalo de tempo entre os mesmos dias, coletei apenas, 13 milímetros de chuva por metro quadrado, repito, apenas 13 milímetros de chuva por metro quadrado, ou seja, aproximadamente um volume nove vezes menor em relação ao volume coletado em Pitangueiras, no Guarujá. Saliento, que guardadas as devidas configurações geográficas, Santos e Guarujá, são duas cidades separadas apenas por um estreito canal estuarino!!

Rodolfo Bonafim enviou 942 notícias








  ENVIE SUA NOTÍCIA   Edite sua assinatura
  
Cadastre sua assinatura


Título da Notícia


Escreva sua Notícia


Envie uma Foto (opcional)
     Ajuda




Seu Nome

Seu E-mail

Estado



Digite o código ao lado
SEM o primeiro caractere


  


Dicas para um bom texto

1 - Não escreva tudo em maiúsculas ou minúsculas. Use os acentos corretamente.
Use sempre um corretor ortográfico!

2 - Não escreva seu texto com apenas 1 parágrafo: com certeza faltarão informações.

3 - Não escreva textos longos: serão cansativos. Dê brilho à sua notícia. Seja um redator!

4 - Dê preferência às notícias em tempo real, que ocorrem próximos à você, como tremores, fenômenos atmosféricos, astronômicos, óticos e até de condições do trânsito comprometidas por fenômenos naturais.


MUITO IMPORTANTE

1 - Antes de serem publicados, todos os textos serão verificados.

2 - A cópia de material da internet é ilegal.
As notícias ou matérias devem ser escritas pelo próprio internauta.
Fotos enviadas devem ser livres de direitos autorais.

Apolo11.com - Todos os direitos reservados - 2000 - 2019
Política de Privacidade   |     Termo de Uso e Licenciamento   |  -   Entre em Contato

"Como os políticos jamais acreditam no que dizem, costumam ficar surpresos quando os outros acreditam" - Charles de Gaulle