Espaço, Ciência e Tecnologia. Educação Científica.
Tudo o que acontece na Terra e no espaço
você encontra aqui.
     

Nasa quer capturar e rebocar asteróide para a órbita da Lua!

Notícia enviada em 13/04/2013
por Rodolfo Bonafim - São Paulo/SP
A NASA está lançando um projeto cujo missão será capturar um asteróide no espaço, próximo à Terra, e enviá-lo para a órbita da Lua, onde permanecerá para ser visitado e estudado por astronautas e astrônomos. Depois de estudar a rocha espacial rapidamente, um robô espacial capturaria o asteróide em um saco de cerca de 10 por 15 metros, e tomaria o rumo da Lua. Esse robô será lançado em 2017.

Embora, ainda conste dos planos da NASA, uma missão tripulada para visitação de um asteróide na década de 2020.

Mas, se a tecnologia para levá-los até lá não estiver pronta, o projeto anteriormente citado, uma vez posto em ação, arrastaria a rocha espacial e colocá-la-ia em órbita ao redor da Lua, onde seria muito mais fácil alcançá-la.

De qualquer maneira, a partir de 2021, os astronautas poderão recolher amostras e estudar a rocha.

A iniciativa partiu do Instituto Keck de Estudos Espaciais, entidade ligada ao Instituto de Tecnologia da Califórnia (Caltech), e foi adotada pela agência espacial norte-americana (NASA) e pelo Gabinete de Política Científica e Tecnológica da Casa Branca.

A proposta para orçamento federal para 2014, anunciado pelo Presidente Barack Obama, inclui US$ 105 milhões para financiar o detalhamento dos projetos - o orçamento total da NASA é de 17,7 bilhões de dólares.

Ainda, de acordo com o Instituto Keck, a missão completa deverá custar 2,65 bilhões de dólares para rebocar um asteróide de 500 toneladas, por exemplo.

A realização deste projeto vai integrar o melhor em nível de investigação científica, tecnológica e da capacidade humana de exploração para atingir a meta do presidente Barack Obama de enviar seres humanos a um asteróide em 2025. A experiência representará uma façanha tecnológica sem precedentes que dará lugar a novas descobertas e ajudará a proteger o nosso planeta, de acordo com a NASA.

Charles Bolden, Diretor da NASA, afirma: ",Vamos usar recursos existentes, como a cápsula Orion e o foguete SLS (Sistema de Lançamento Espacial), e desenvolver novas tecnologias, como a propulsão solar-elétrica e a comunicação a laser - todos componentes críticos da exploração do espaço profundo.",

A NASA deverá usar um foguete de propulsão iônica para ",laçar", um pequeno asteróide, de cerca de 7 metros de diâmetro, e rebocá-lo para uma órbita lunar.

Os astronautas poderão então visitá-lo usando as naves espaciais Orion, da NASA, para extrair amostras e desenvolver tecnologias para pousar em um asteróide maior e iniciar a era da mineração espacial.

Outro objetivo de ter um ",asteróide-mascote",, mantido em uma órbita bem definida ao redor da Lua, é estudar técnicas para desviar meteoróides que ameacem colidir com a Terra.

Portanto, essa ação serviria de treino para uma eventual intervenção contra uma rocha espacial perigosa...

Crédito da imagem anexa: Rick Sternbach/Keck Institute for Space Studies

Rodolfo Bonafim enviou 942 notícias








  ENVIE SUA NOTÍCIA   Edite sua assinatura
  
Cadastre sua assinatura


Título da Notícia


Escreva sua Notícia


Envie uma Foto (opcional)
     Ajuda




Seu Nome

Seu E-mail

Estado



Digite o código ao lado
SEM o primeiro caractere


  


Dicas para um bom texto

1 - Não escreva tudo em maiúsculas ou minúsculas. Use os acentos corretamente.
Use sempre um corretor ortográfico!

2 - Não escreva seu texto com apenas 1 parágrafo: com certeza faltarão informações.

3 - Não escreva textos longos: serão cansativos. Dê brilho à sua notícia. Seja um redator!

4 - Dê preferência às notícias em tempo real, que ocorrem próximos à você, como tremores, fenômenos atmosféricos, astronômicos, óticos e até de condições do trânsito comprometidas por fenômenos naturais.


MUITO IMPORTANTE

1 - Antes de serem publicados, todos os textos serão verificados.

2 - A cópia de material da internet é ilegal.
As notícias ou matérias devem ser escritas pelo próprio internauta.
Fotos enviadas devem ser livres de direitos autorais.

Apolo11.com - Todos os direitos reservados - 2000 - 2019
Política de Privacidade   |     Termo de Uso e Licenciamento   |  -   Entre em Contato

"A política é quase tão excitante quanto a guerra, e não menos perigosa. Na guerra só podemos morrer uma vez - na política várias" - Winston Churchill