Espaço, Ciência e Tecnologia. Educação Científica.
Tudo o que acontece na Terra e no espaço
você encontra aqui.
     

Nevoeiro muito denso e pouco comum nessa época na Baixada Santista

Notícia enviada em 17/06/2016
por Rodolfo Bonafim - São Paulo/SP
Situação climática complicada na Baixada Santista!

Fenômenos fora de época, como o mês de abril de 2016. com a maior média de temperatura dos últimos 22 anos, (calor nada a dever para fevereiro) mais um mês de maio extremamente chuvoso (maio chove bem menos), uma primeira quinzena de junho, adentrando com massa de ar polar muito intensa e atípica para a época e para a região e agora (desde ontem), o ENTRECHOQUE, tema de vários reportes meus, que consiste no encontro de duas massas de ar de características distintas - uma fria e úmida trazida do mar e a outra, quente e seca oriunda do interior do continente, se faz presente de forma intensa na Baixada Santista, na forma de nevoeiro de mar (ou de advecção). Ontem, quinta-feira, 16/06, houve uma prévia, com formação de nevoeiro menos denso e de pouca duração, pois lá pelas 09:30 da manhã, já estava quase todo dissipado, conforme o Sol vai ficando mais alto em relação ao horizonte, possibiltando assim, um dia ensolarado e praticamente sem nuvens, embora a máxima em Santos (Estação ONG Amigos da Água, na Vila Belmiro), tenha subido pouco: apenas 22ºC, enquanto na capital paulista, alcançou-se máxima de 25ºC no Mirante de Santana. Explicação ",básica",: este tipo de nevoeiro, pode sim ocorrer em junho ou até em outras épocas do ano (como já relatei e comentei em dezembro de 2012), mas é muito mais comum ocorrer no final de julho/começo de agosto, quando as terras do interior do continente já dão os primeiros sinais de aquecimento e o oceano Atlântico, está no auge das menores temperaturas de sua superfície. Resultado: ar mais aquecido continental desde a serra e ao entrar em contato com a lâmina de água superficial do oceano, bem fria, acaba entrando em processo de condensação, gerando fortes nevoeiros, que chegam a paralisar o tráfego de embarcações no estuário de Santos e no canal de Bertioga. Embora, ainda nem tenha começado oficialmente o inverno, a massa de ar polar que atingiu o litoral paulista foi excepcional e resfriou as águas do Atlântico mais rapidamente. E mesmo que esta massa polar tenha causado temperaturas até abaixo de zero em algumas localidades do interior paulista, fato é que por motivos de ordem possivelmente de mudança climática (desflorestamento no interior do país, por exemplo), tão logo o ar polar se dissipou, entrou em cena, um ar mais aquecido e seco, responsável já pelos 25ºC de máxima ontem na capital. Portanto, este ar aquecido e seco descendo a serra, encontrou as águas já frias do mar, o suficiente para condensar e provocar este denso e duradouro ENTRECHOQUE, que inclusive, até o momento, às 14:30, ainda não deu ",lugar", ao Sol, somente um levíssimo mormaço na Baixada Santista. A máxima até agora em Santos, foi de 21ºC apenas, com 67% de umidade relativa do ar. No Guarujá (orla de Pitangueiras), a temperatura ainda não passou dos 18,8ºC, com ar muito úmido para o horário (85% de umidade relativa).

Rodolfo Bonafim enviou 937 notícias








  ENVIE SUA NOTÍCIA   Edite sua assinatura
  
Cadastre sua assinatura


Título da Notícia


Escreva sua Notícia


Envie uma Foto (opcional)
     Ajuda




Seu Nome

Seu E-mail

Estado



Digite o código ao lado
SEM o primeiro caractere


  


Dicas para um bom texto

1 - Não escreva tudo em maiúsculas ou minúsculas. Use os acentos corretamente.
Use sempre um corretor ortográfico!

2 - Não escreva seu texto com apenas 1 parágrafo: com certeza faltarão informações.

3 - Não escreva textos longos: serão cansativos. Dê brilho à sua notícia. Seja um redator!

4 - Dê preferência às notícias em tempo real, que ocorrem próximos à você, como tremores, fenômenos atmosféricos, astronômicos, óticos e até de condições do trânsito comprometidas por fenômenos naturais.


MUITO IMPORTANTE

1 - Antes de serem publicados, todos os textos serão verificados.

2 - A cópia de material da internet é ilegal.
As notícias ou matérias devem ser escritas pelo próprio internauta.
Fotos enviadas devem ser livres de direitos autorais.

Apolo11.com - Todos os direitos reservados - 2000 - 2018
Política de Privacidade   |     Termo de Uso e Licenciamento   |  -   Entre em Contato

"O acaso não existe; o que chamamos de acaso é o efeito de uma causa que não conhecemos" - Voltaire