Espaço, Ciência e Tecnologia. Educação Científica.
Tudo o que acontece na Terra e no espaço
você encontra aqui.
     

Tempestades de verão assolam cidades de Rondônia

Notícia enviada em 13/03/2007
por Daniel Panobianco - Ji-Paraná/RO
As fortes pancadas de chuva típicas de verão atingiram com força diversos municípios de Rondônia durante a tarde e inicio de noite desta segunda-feira. Em Ji-Paraná o dia virou noite às 15 horas.

A segunda-feira foi mais um dia com clima típico de verão em Rondônia, muito sol e calor pela manhã, com rápida formação de nuvens carregadas e chuva, muita chuva no período da tarde. Tanta água capaz de fechar os aeroportos de Ji-Paraná e Cacoal por alguns minutos devido a total falta de visibilidade.

As primeiras células de convecção profunda começaram a se formar logo após o meio-dia nas regiões de Machadinho d’ Oeste e Ministro Andreazza, onde foram observadas fortes trovoadas em pontos localizados. Pouco tempo depois, o excesso de calor, que em Ji-Paraná chegou a 34,8°C na estação do SIVAM (Sistema de Vigilância da Amazônia), localizada próximo ao aeroporto e pouco mais de 38°C no termômetro digital no bairro 2 de Abril, a combinação perfeita com a alta umidade relativa do ar foram os combustíveis necessários para nitroglicerina pura no céu. Ás 16 horas, a grande área de instabilidade que explodiu no centro do Estado, já tomava conta de pelo menos oito municípios, estando o núcleo do sistema em Ji-Paraná onde a grande concentração de nuvens e a força da chuva torrencial fez com que a tarde virasse noite de repente. As luzes dos faróis dos veículos e os postes nas ruas e avenidas foram acesos às 16h30min quando a nuvem negra pairava sobre o solo jiparanaense. O volume de chuva registrado das 15 horas até as 20 horas desta segunda-feira chegou a 88,0 milímetros, cerca de 22% de todo o volume de chuva esperado para o mês de março na região, que é de 400 milímetros segundo a climatologia do INMET.

Além de ruas, avenidas e residências tomadas pela enxurrada, o Corpo de Bombeiros registrou uma ocorrência na hora do temporal. O acidente ocorreu na rua T-18 esquina com a avenida Maringá, nas imediações do bairro Nova Brasília. Na ocasião, uma criança de 11 anos que estava trafegando de bicicleta sofreu uma queda após cair em um buraco cheio d’ água.

Nas imediações do Shopping Cidadão, na vila Jotão, carros quase foram arrastados pela força da correnteza. Na avenida Martins Costa, o fio d’ água chegou a quase um metro de altura. Muitos pontos foram tomados pela lama e sujeira acumulada nas ruas e terrenos baldios.

Os municípios de Urupá, Teixeirópolis, Alvorada d’ Oeste, Castanheiras, Ministro Andreazza, Presidente Médici, Nova Brasilândia d’ Oeste, Novo Horizonte d’ Oeste, Rolim de Moura e parte de Cacoal também foram afetados pelas fortes tempestades. Em diversas localidades choveu mais de 50 milímetros em pouco tempo, segundo dados do sistema hidroestimador de precipitação do CPTEC/INPE.

Daniel Panobianco enviou 86 notícias








  ENVIE SUA NOTÍCIA   Edite sua assinatura
  
Cadastre sua assinatura


Título da Notícia


Escreva sua Notícia


Envie uma Foto (opcional)
     Ajuda




Seu Nome

Seu E-mail

Estado



Digite o código ao lado
SEM o primeiro caractere


  


Dicas para um bom texto

1 - Não escreva tudo em maiúsculas ou minúsculas. Use os acentos corretamente.
Use sempre um corretor ortográfico!

2 - Não escreva seu texto com apenas 1 parágrafo: com certeza faltarão informações.

3 - Não escreva textos longos: serão cansativos. Dê brilho à sua notícia. Seja um redator!

4 - Dê preferência às notícias em tempo real, que ocorrem próximos à você, como tremores, fenômenos atmosféricos, astronômicos, óticos e até de condições do trânsito comprometidas por fenômenos naturais.


MUITO IMPORTANTE

1 - Antes de serem publicados, todos os textos serão verificados.

2 - A cópia de material da internet é ilegal.
As notícias ou matérias devem ser escritas pelo próprio internauta.
Fotos enviadas devem ser livres de direitos autorais.

Apolo11.com - Todos os direitos reservados - 2000 - 2019
Política de Privacidade   |     Termo de Uso e Licenciamento   |  -   Entre em Contato

"As leis não são feitas para o homem bom" - Sócrates