Espaço, Ciência e Tecnologia. Educação Científica.
Tudo o que acontece na Terra e no espaço
você encontra aqui.
     

CBERS-2 completa 4 anos em órbita

Notícia enviada em 24/10/2007
por Cesar Fortaleza - Fortaleza/CE
Segundo satélite do Programa CBERS (sigla para China-Brazil Earth Resources Satellite, em português, Satélite Sino-Brasileiro de Recursos Terrestres), o CBERS-2 completou quatro anos de operação no último dia 21 de outubro. Embora tenha vida útil projetada de dois anos, o CBERS-2 está gerando imagens desde 2003.

Em parceria com a China, o Programa CBERS colocou o Brasil entre as nações que detém a tecnologia do sensoriamento remoto, estratégica para o monitoramento ambiental, aplicações como mapas de queimadas e desflorestamento da região amazônica e estudos na área de desenvolvimento urbano nas grandes capitais do país.

Já foram colocados em órbita três satélites no âmbito deste Programa. O CBERS-2B foi lançado no último dia 19 de setembro e está em fase de testes. E o primeiro satélite, o CBERS-1, foi lançado da China em outubro de 1999 e operou com sucesso por quase quatro anos, até agosto de 2003.

O Brasil é hoje o maior distribuidor de imagens de satélite do mundo, graças à política adotada em junho de 2004 que permite o download gratuito a partir do site www.dgi.inpe.br/CDSR. Já foram distribuídas aproximadamente 350 mil imagens a usuários do território brasileiro. Cerca de 1.500 instituições, entre órgãos públicos, universidades, centros de pesquisas e ONGs, além da iniciativa privada, utilizam as imagens do satélite sino-brasileiro.

Fonte: Inpe

Cesar Fortaleza enviou 1 notícia








  ENVIE SUA NOTÍCIA   Edite sua assinatura
  
Cadastre sua assinatura


Título da Notícia


Escreva sua Notícia


Envie uma Foto (opcional)
     Ajuda




Seu Nome

Seu E-mail

Estado



Digite o código ao lado
SEM o primeiro caractere


  


Dicas para um bom texto

1 - Não escreva tudo em maiúsculas ou minúsculas. Use os acentos corretamente.
Use sempre um corretor ortográfico!

2 - Não escreva seu texto com apenas 1 parágrafo: com certeza faltarão informações.

3 - Não escreva textos longos: serão cansativos. Dê brilho à sua notícia. Seja um redator!

4 - Dê preferência às notícias em tempo real, que ocorrem próximos à você, como tremores, fenômenos atmosféricos, astronômicos, óticos e até de condições do trânsito comprometidas por fenômenos naturais.


MUITO IMPORTANTE

1 - Antes de serem publicados, todos os textos serão verificados.

2 - A cópia de material da internet é ilegal.
As notícias ou matérias devem ser escritas pelo próprio internauta.
Fotos enviadas devem ser livres de direitos autorais.

Apolo11.com - Todos os direitos reservados - 2000 - 2019
Política de Privacidade   |     Termo de Uso e Licenciamento   |  -   Entre em Contato

"O segredo em negócios é saber alguma coisa que mais ninguém sabe." - Aristóteles Onassis