Espaço - Ciências - Fenômenos Naturais
Compartilhe! 

Editoria: Espaço - Brasil no Espaço
Quinta-feira, 30 mar 2006 - 08h55

Em lançamento perfeito, o Brasil vai ao espaço !

Após um longo período de espera, e um custo aproximado de 15 milhões de dólares, finalmente o Brasil envia seu primeiro astronauta ao espaço. O feito simboliza a capacidade brasileira de ir bem mais além, sendo apenas mais um passo em busca da total autonomia na área espacial.

Praticamente o Brasil parou para ver o lançamento do primeiro astronauta brasileiro, tenente coronel Marcos Pontes.

Tudo correu conforme planejado. Cinquenta anos de experiência acumulada fizeram com que os russos dessem um show de precisão ao lançarem a nave Soyuz TM-8 . Conforme o cronograma, exatamente às 23h19 (Hora de Brasília), o gigantesco foguete russo era impulsionado ao espaço e menos de 9 minutos após a partida, os três astronautas já se encontravam na órbita terrestre.

As imagens mostradas pela NASA-TV, e retransmitidas pelo Apolo11, mostravam os três tripulantes muito calmos. Por diversas vezes Marcos Pontes acenou para um das câmeras a bordo da nave. Um pequeno ursinho, preso a uma mola mostrava descontração e ao mesmo tempo confirmava a diminuição da falta de peso, causada pela perda da gravidade.

Ao lado de Pontes, os dois comandantes da nave, o russo Pavel Vinogradov e o norte-americano Jeffrey Williams, anotavam dados dos instrumentos, uma espécie de check-list. Vinogradov é um veterano do espaço e conta com com 198 dias a bordo da estação espacial MIR e já fez cinco passeios espaciais. Willians, coronel da força aérea,já esteve no espaço em maio de 2000, a bordo da missão STS-101 do ônibus espacial e também já fez um passeio espacial.

O objetivo atual da nave Soyuz é agora o acoplamento com a Estação Espacial Internacional, ISS, previsto para este sábado.

Dentro da estação espacial o astronauta Pontes, de 42 anos, deverá realizar uma série de 8 experimentos científicos. Entre os experimentos, dois são de escolas do ensino médio e os outros seis de instituições de pesquisa brasileiras.

Pontes retorna à Terra no dia 8 de abril junto com a atual equipe que está a bordo da estação, composta pelo russo Valeri Tokarev e seu colega americano William McArthur, no espaço desde outubro de 2005.

O comandante russo Vinogradov e o engenheiro de vôo norte-americano Jeffrey Williams, companheiros de Pontes, permanecerão a bordo da estação.


Boletim
Quatorze minutos após o lançamento, os controladores da missão, na Rússia, informaram que os painéis solares se abriram conforme o planejado e aparentemente tudo corre tranquilamente.

De acordo com dados de rastreio, calculados nesta manhã, o acoplamento da nave Soyuz TM-8 está previsto para ocorrer na madrugada deste sábado, à 01h19 (Hora de Brasília), 35 minutos após a ISS cruzar a região do Rio de Janeiro (gráfico acima). No momento da acoplagem, os dois satélites deverão estar posicionados sobre as coordenadas 48.75 N e 85.82 E, próximo à cidade de Leninogorsk, no Casaquistão, na fronteira com a China, conforme vemos abaixo.



Veja ao vivo
Diariamente o Apolo11 retransmite as imagens da NASA-TV. Aqui você pode acompanhar todos os passos, inclusive o acoplamente entre as naves, previsto para esse sábado.
NASA-TV


Rastreie a Estação
Para quem gosta de rastrear satélites, o Apolo11.com também mantém uma página especial, onde além de poder acompanhar a posição atual da ISS, também mostra com antecedência quando ela passará próxima às capitais brasileiras. Sabendo isso você pode captar seus sinais e se o momento for adequado, poderá até mesmo vê-la !
Clique e saiba mais







Apolo11.com - Todos os direitos reservados - 2000 - 2018
Política de Privacidade   |     Termo de Uso e Licenciamento   |  -   Entre em Contato

"O segredo em negócios é saber alguma coisa que mais ninguém sabe." - Aristóteles Onassis