Espaço - Ciências - Fenômenos Naturais
Compartilhe! 

Editoria: Mudanças Climáticas
Quarta-feira, 6 jun 2007 - 11h09

A temperatura aumenta e brasileiros estão mais preocupados

A temperatura na Terra nos quatro primeiros meses deste ano (2007), já está 0,5 grau Celsius mais alta que a média de longo prazo. Esse é o resultado do levantamento feito pelo Escritório Oficial de Meteorologia da Grã-Bretanha e confirma a previsão de que 2007 será um ano mais quente que a média.

Apesar de quente, não se espera quebra do recorde histórico da temperatura de 1998, quando a média dos valores ficou em 14,69° C. No início deste ano, especialistas britânicos previram que em 2007 a temperatura deveria quebrar a barreira de 1998.

Segundo David Parker, cientista ligado ao instituto britânico, os quatro primeiros meses estão confirmando a previsão de um ano mais quente, mas o fenômeno La Niña, em atividade no Pacífico equatorial, deve impedir que as temperaturas superem o recorde de 1998.

La Niña ou "a Menina" é um fenômeno que causa o resfriamento incomum das águas do Pacífico Oriental na altura do Equador, influenciando de forma significativa no clima no planeta.


Brasileiros Preocupados
Dados divulgados esta semana pela Universidade de Oxford, na Grã-Bretanha, mostram que a preocupação dos brasileiros com relação ao aquecimento Global aumentou significativamente nos últimos seis meses. De acordo com o estudo, enquanto no resto do mundo a porcentagem de pessoas preocupadas com o fenômeno se multiplicou, aqui no Brasil o número de interessados no tema praticamente triplicou.

Em outubro de 2007, 7% dos entrevistados brasileiros afirmavam que o fenômeno do aquecimento global e as mudanças climáticas estavam entre suas duas maiores preocupações. Em abril de 2007 esse percentual subiu para 24%. Em outras partes do mundo esse aumento não foi maior número que 16%.

Apesar de os números mostrarem um aumento na população interessada no fenômeno, os brasileiros ainda não estão entre os maiores preocupados. Segundo a pesquisa, os suíços são os mais apreensivos, com 36% da população preocupada, seguido dos franceses com 32% e australianos e canadenses com 31%.

No total foram pesquisados 47 países e em todos foi verificado um aumento na preocupação da população com os temas ligados às mudanças climáticas.

Com relação às emissões de carbono, 42% dos consumidores querem que os governos imponham algum tipo de restrição e controle e aproximadamente a mesma porcentagem acha que os países deveriam investir mais recursos em pesquisas na tentativa de oferecer melhores soluções ambientais.

Arte: Evolução da anomalia da temperatura média da Terra desde 1850. Observe o pico no ano de 1998.







Apolo11.com - Todos os direitos reservados - 2000 - 2019
Política de Privacidade   |     Termo de Uso e Licenciamento   |  -   Entre em Contato

"O orçamento é uma conta que se faz para saber como aplicar o dinheiro que já se gastou" - Barão de Itararé