Espaço - Ciências - Fenômenos Naturais
Compartilhe! 

Editoria: Mudanças Climáticas
Quarta-feira, 3 fev 2010 - 12h50

Cientistas calculam temperaturas com o uso de telhados brancos

O Centro Nacional para Pesquisa Atmosférica dos Estados Unidos (NCAR) divulgou um estudo que vem reforçar a ideia da utilização de telhados brancos na cobertura de casas e edifícios com o objetivo de reduzir significativamente a temperatura em grandes cidades.

Ilha de Santorini

Cientistas utilizaram modelos em computadores para simular os impactos desse tipo de cobertura em áreas urbanas. Vias e calçadas absorvem o calor do dia, elevando as temperaturas nas cidades entre 1°C e 3°C na comparação com áreas menos urbanizadas. Pelas simulações, os estudiosos observaram uma redução de 33% na temperatura quando os telhados brancos foram colocados sobre as residências.

“Nossa pesquisa demonstra que telhados brancos, ao menos em teoria, podem ser um método efetivo na redução do calor urbano”, disse Keith Oleson, principal autor do estudo. Mas, os cientistas ressaltam que as mudanças devem levar em conta o clima do local e o número de habitantes da cidade.

“É fundamental compreender como a mudança climática vai afetar áreas urbanas vulneráveis, o lar da maior parte da população mundial”, afirmou Gordon Bonan, coautor do estudo.

Outros estudos sobre o assunto também já foram elaborados. O Laboratório Nacional
Lawrence Berkeley, na Califórnia, mostrou que pintar os telhados de branco pode ser muito eficaz no combate às altas temperaturas. Enquanto as coberturas escuras absorvem 80% do calor externo, as claras refletem até 90% da luz solar. Grandes cidades como São Paulo, sofreriam menos com as “ilhas de calor”.

Foto: Ilha de Santorini, Grécia, onde a cobertura das residências é toda pintada de branco.







Apolo11.com - Todos os direitos reservados - 2000 - 2018
Política de Privacidade   |     Termo de Uso e Licenciamento   |  -   Entre em Contato

"O acaso não existe; o que chamamos de acaso é o efeito de uma causa que não conhecemos" - Voltaire