Espaço - Ciências - Fenômenos Naturais
Compartilhe! 

Editoria: Mudanças Climáticas
Quinta-feira, 23 abr 2009 - 14h43

Estudo indica queda de 35% no fluxo das águas do São Francisco

Um estudo realizado por cientistas norte-americanos constatou que o fluxo de água na bacia do rio São Francisco caiu 35% nos últimos 50 anos. O rio nasce em Minas Gerais, corta Estados do Nordeste e desaguá no mar no litoral de Sergipe.

Os pesquisadores do National Center for Atmospheric Research (NCAR), que fica no Estado americano do Colorado, analisaram dados coletados entre os anos de 1948 e 2004 em 925 maiores rios do planeta.

Vários rios, não só o São Francisco, em regiões mais populosas estão perdendo água. No território brasileiro, a bacia do São Francisco foi a que apresentou maior queda no fluxo de águas.

No mesmo período, os pesquisadores observaram uma queda de 3,1% no fluxo de águas na bacia do Amazonas. Já o rio Paraná, que desaguá na Argentina, apresentou uma elevação de 60% no fluxo de águas e a bacia do Tocantins registrou um acrécimo de 1,2% em sua vazão.

As alterações nos últimos 50 anos estariam diretamente relacionadas com o aquecimento e a diminuição das chuvas. O fenômeno meteorológico El Niño, que eleva a temperatura das águas do Oceano Pacífico pode ter contribuído para as mudanças.

O cientista Aiguo Dai, o líder da pesquisa, explica que entre 1948 e 2004, a região da bacia do rio São Francisco apresentou uma leve queda nos níveis de precipitações e um grande aumento de temperatura. “O aumento das temperaturas eleva a evaporação, e assim, reduz o fluxo de água do rio”.

Os rios Amarelo, na China, Niger, na África, e o Colorado, nos Estados Unidos, estão entre os que apresentaram uma queda significativa nos fluxos de água no período estudado. Em contrapartida, os pesquisadores constataram um aumento considerável na vazão de rios em áreas pouco habitadas no Oceano Ártico.







Apolo11.com - Todos os direitos reservados - 2000 - 2018
Política de Privacidade   |     Termo de Uso e Licenciamento   |  -   Entre em Contato

"Um tolo com instrução é um tolo maior que um com falta dela." - Benjamim Franklin