Espaço - Ciências - Fenômenos Naturais
Compartilhe! 

Editoria: Mudanças Climáticas
Segunda-feira, 7 jul 2008 - 09h07

INPE: aumento na temperatura provoca mais raios em São Paulo

Além do já caótico trânsito que quase impede a locomoção pela cidade de São Paulo e também dos alarmantes níveis de poluição do ar também causado pelo grande número de automóveis, a capital paulista pode estar sendo vítima de um aumento significativo no número de raios que atingem a cidade.

Um recente estudo, realizado pelo Grupo de Eletricidade Atmosférica, ELAT, ligado ao Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais, INPE, mostrou que cada grau de aumento na temperatura do ar corresponde a pelo menos 30% a mais de descargas elétricas na atmosfera.

Os resultados desta pesquisa, que será publicada no influente Journal of Geophysical Research, terá implicações diretas na avaliação do impacto do aquecimento global na incidência de raios nas próximas décadas.

De acordo com o cientista Osmar Pinto Junior, coordenador do ELAT, na cidade de São Paulo ocorrem 60% a mais raios do que há 50 anos. Um aumento similar foi encontrado em Hong Kong, China, onde a temperatura do ar aumentou aproximadamente dois graus Celsius durante esse mesmo período.


Pesquisa
Outro dado que parece reforçar o trabalho de Pinto é uma a pesquisa realizada na cidade de São Paulo em novembro de 2007, onde nos últimos seis anos ficou constatada uma diminuição de 15% na atividade média de raios durante os finais de semana. Segundo o coordenador do ELAT a causa pode estar associada à diminuição da poluição nestes dias.


Modelos matemáticos
Novo modelo climático desenvolvido pela Agência Espacial Americana (NASA) prevê que em conseqüência do aquecimento global as tempestades severas serão mais comuns no planeta. O modelo aplicado a uma atmosfera com o dobro da concentração de dióxido de carbono, CO2, e um aumento superficial de temperatura de 3° C, prevê uma intensificação das correntes ascendentes em tempestades com um conseqüente aumento na altitude onde os raios se formam e na intensificação das tempestades, seja em termos de raios ou tornados. O modelo também sugere um possível aumento das queimadas produzidas por raios.







Apolo11.com - Todos os direitos reservados - 2000 - 2019
Política de Privacidade   |     Termo de Uso e Licenciamento   |  -   Entre em Contato

"O orçamento é uma conta que se faz para saber como aplicar o dinheiro que já se gastou" - Barão de Itararé