Espaço - Ciências - Fenômenos Naturais
Compartilhe! 

Editoria: Fenômenos Naturais - Icebergs
Quarta-feira, 16 dez 2009 - 10h59

Imenso iceberg se parte em diversos pedaços próximo à Austrália

Um gigantesco iceberg de 19 quilômetros de comprimento que seguia em direção à Austrália começou a se partir em centenas de pedaços antes de chegar ao litoral do país. A informação divulgada pelos cientistas confirmou a previsão inicial dos especialistas de que o imenso bloco de gelo iria se romper ao se aproximar da costa australiana.

O iceberg de 140 quilômetros quadrados teve o tamanho reduzido em quase 30% em três dias, segundo o geólogo australiano Neal Young. A parte submersa do bloco de gelo derreteu aos poucos ao encontrar águas mais quentes, entre 6 a 8 graus centígrados, explicou o especialista.

Através de imagens de satélite, os estudiosos puderam observar o percursso do iceberg em direção ao litoral sul da Austrália nas últimas semanas. Autoridades do país chegaram a emitir um aviso aos navios que navegam pela região sobre o imenso iceberg, que estava a cerca de 1,7 mil quilômetros ao sul da ilha de Macquarie.

As imagens captadas mostram agora centenas de calotas polares de quilômetros de comprimento, resultado da fragmentação do iceberg, espalhadas ao longo de milhares de quilômetros ao norte do continente antártico.

Segundo os cientistas, o iceberg batizado de B17B fazia parte de outro três vezes maior que se desprendeu da costa antártida no ano de 2000, provavelmente da Plataforma de Gelo de Ross.


Foto: Imagem captada pelo satélite de sensoriamento remoto NOAA-18 registra o iceberg B17B rodeado por diversos fragmentos que se partiram do bloco principal. Crédito: Australian Antarctic Division.







Apolo11.com - Todos os direitos reservados - 2000 - 2018
Política de Privacidade   |     Termo de Uso e Licenciamento   |  -   Entre em Contato

"Roubar não é só meter a mão na carteira das pessoas. Roubar é gastar errado com mordomias, com obras faraônicas, privilegiando quem já tem." - Ciro Gomes