Apolo11.com - Imagens de satélite, tecnologia e fenômenos naturais



Imagens de satélite e sensoriamento remoto

Morre Ernst Mayr, maior evolucionista do século 20
São Paulo, 06 de Janeiro de 2005
ÍNDICE GERAL   

O maior representante da biologia evolucionista do século 20, o alemão Ernst Mayr, morreu na quinta-feira (3) em Massachusetts, onde morava, aos 100 anos. Ao longo de 80 anos de carreira, ele ajudou a difundir e cunhar o conceito de evolução a partir da teoria proposta pelo naturalista inglês Charles Darwin.

Foi Mayr quem formulou a definição de espécie usada, até hoje, por estudantes de biologia: espécie é um grupo de indivíduos capazes de gerar descendentes entre si, mas não com indivíduos de fora do grupo.

Professor da Universidade Harvard por meio século e ex-curador do Museu Americano de História Natural, Mayr solucionou uma questão que o próprio Darwin não soube responder: como as variações dentro de uma espécie eram transmitidas de uma geração para outra.

Para isso, ele uniu as idéias de Darwin à sua própria experiência em Nova Guiné, onde foi estudar pássaros em 1928, e às descobertas feitas no campo da biologia molecular.

O resultado foi o surgimento de uma linha de pensamento que uniu taxonomia, paleontologia e genética, chamada Nova Síntese Evolucionista, como explica o biólogo Célio Magalhães, do Inpa - Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia.

“Ele promoveu uma visão unificada das ciências biológicas” ao lado de G. Simpson, diz Magalhães. “Essa escola foi posteriormente ultrapassada, mas não antes sem muita discussão e controvérsias.”

Para o geneticista Crodowaldo Pavan, da USP - Universidade de São Paulo, Mayr escreveu seu nome na história ao promover interpretações então revolucionárias das idéias de Darwin.

“Depois que ele e (o geneticista russo Theodosius) Dobzhansky lançaram o livro Genética e a Origem das Espécies, não havia artigo em biologia que não os citasse”, afirma Pavan, ex-aluno de Dobzhansky e Mayr.







IMAGENS DE SATÉLITES !    Clique e conheça nosso Vídeo Workshop de sensoriamento remoto e imagens meteorológicas.
Apolo11.com - Todos os direitos reservados - 2001 - 2018
Política de Privacidade

"O acaso não existe; o que chamamos de acaso é o efeito de uma causa que não conhecemos" - Voltaire