Espaço - Ciências - Fenômenos Naturais
Compartilhe! 

Editoria: Fenômenos Naturais - Terremotos
Sexta-feira, 29 fev 2008 - 08h46

Novos tremores voltam a atingir a cidade de Sobral, no Ceará

A cidade de Sobral, localizada na região norte do Ceará, sentiu novamente os efeitos provocados pelos tremores de terra que voltaram a ser registrados naquela localidade. Durante a madrugada, diversos tremores foram sentidos por populares, desta vez mais fortes e repetitivos que os abalos registrados no último dia 16 de fevereiro, assustando e causando muito medo entre os moradores de Sobral e de municípios vizinhos.

De acordo com dados recebidos pela Universidade Federal do Rio Grande do norte, UFRN, os eventos dessa noite tiveram início às 01h50 e se estenderam até aproximadamente às 05h00. Durante este período foram registrados pelo menos 81 abalos, um deles alcançando 4 graus na escala Richter.

De acordo com o internauta Ítalo Marcelo, os abalos mais fortes tiveram entre dois e três minutos de duração enquanto outros duraram poucos segundos. Outro colaborador, morador de Serra de Ibiapaba, também informou ter sentido dois tremores muito intensos naquela região.

Segundo informações prestadas pelo colaborador Eduardo Alexandre, técnico em Sismologia da UFRN, uma série de dados que foram registrados pela estação sismográfica SBBR já estão sendo transferidos para o laboratório sismológico da universidade, na cidade de Natal, e em breve informará o resultado das análises.


Abalos recentes
Abalos sísmicos não são incomuns na região norte do Ceará. Em 16 de fevereiro a cidade de Sobral havia sentido um tremor de terra de baixa intensidade, registrado às 22h59 próximo à região de Alcântaras. Segundo informações fornecidas pelo Laboratório Sismológico da UFRN, o evento atingiu 3.5 graus na escala Richter e foi sentido em um raio de 60 quilômetros do epicentro.

Colaboraram com esta matéria os internautas Lima Junior, Ítalo Marcelo, Pedro e Eduardo Alexandre, tecnico em Sismologia da UFRN.

Arte: No topo, região de Sobral observada através de imagens de satélites disponíveis pelo aplicativo SatMaps. O gráfico acima mostra o sismo de 3.5 graus como registrado pela estação sismográfica de Solanea, na Paraíba, no dia 16 de fevereiro de 2008. A estação é operada pela UFRN.







Apolo11.com - Todos os direitos reservados - 2000 - 2018
Política de Privacidade   |     Termo de Uso e Licenciamento   |  -   Entre em Contato

"O acaso não existe; o que chamamos de acaso é o efeito de uma causa que não conhecemos" - Voltaire