Espaço - Ciências - Fenômenos Naturais
Compartilhe! 

Editoria: Fenômenos Naturais - Vulcões
Sexta-feira, 29 dez 2006 - 09h25

Sobre a Rússia, satélite Aqua capta atividade do vulcão Sheveluch

O monte Sheveluch, na península de Kamchatka, no leste da Rússia, é um dos mais ativos vulcões da atualidade. Erguendo-se 3283 metros acima do nível do mar, é um vulcão do tipo estrato, formado por camadas sucessivas de rochas, cinzas e lava endurecidas, remanescentes de erupções anteriores.

A primeira erupção que se tem registro data de 1854 e a última de 2000. No entanto a atividade da montanha constante.

No dia 7 de dezembro, sismógrafos instalados próximo à montanha registraram dezenas de pequenos abalos no interior da montanha, seguido de uma violenta emissão de cinzas que atingiram mais de 6 mil metros e se propagou além de 100 km ao norte. Desde então as emissões de cinza e fumaça não param.

Nesta imagem, feita pelos sensores MODIS de resolução moderada, a bordo do satélite de sensoriamento remoto Aqua, mostra claramente essa atividade.

A cena, captada no dia 27 de dezembro, mostra a coluna de fumaça sulfúrica sendo soprada em direção sudeste, rumo ao Mar de Bering. Sobre a península, a pluma escura contrasta com a paisagem gelada dos montes Koriak. Outro destaque é a trilha marrom que parte do topo da montanha em sentido nordeste. Essa trilha foi provocada por atividades recentes de cinza e lava depositada sobre a encosta da montanha.

Foto: Crédito de MODIS Rapid Response Team / NASA / GSFC.

Gostou dessa imagem? Então acesse nosso banco comentado de imagens de alta resolução. Clique!







Apolo11.com - Todos os direitos reservados - 2000 - 2018
Política de Privacidade   |     Termo de Uso e Licenciamento   |  -   Entre em Contato

"Dignidade não consiste em possuir honrarias, mas em merecê-las" - Aristóteles