Espaço - Ciências - Fenômenos Naturais
Compartilhe! 

Editoria: Fenômenos Naturais - Vulcões
Quarta-feira, 17 out 2007 - 20h11

Vulcão no monte Kelud entra em alerta máximo

Autoridades da Indonésia elevaram o nível de alerta do vulcão do monte Kelud para nível máximo. Desde terça-feira (16), a erupção do vulcão é temida e iminente. Milhares de moradores da região do monte Kelud, em Java, já foram retirados e levados a abrigos. Porém, muitos ainda insistem em permanecer em suas casas, pois não querem deixar seus bens e animais.

O vulcão é um dos mais perigosos da Indonésia e fica a cerca de 90 quilômetros a a sudoeste de Surabaya. Hoje, cerca de 350 mil pessoas vivem num raio de 10 km do Kelud. A região tem culturas de café, cana-de-açúcar, abacaxi e mamão, além de pecuária.

Saut Simatupang, chefe de pesquisa vulcanológica, explica que embora os sismos vulcânicos tenham caído de 500 para 61 na manhã desta quarta-feira, isso não descarta a possibilidade de erupção. "Ele pode entrar em erupção dois ou três dias depois de haver menos sismos, porque o vulcão pode estar armazenando energia para uma explosão". Além disso, a água do lago, que fica na cratera do vulcão, começou a mudar de cor, indicando um aumento nos níveis de enxofre.

A última erupção do Kelud aconteceu em 1990 e deixou na ocasião 30 vítimas fatais. Em 1919, o vulcão derramou água fervente de sua cratera e 5 mil pessoas morreram.

A Indonésia faz parte de uma área com intensa atividade sísmica, conhecida como Anel de Fogo do Pacífico, e possui inúmeros vulcões.

Artes: No topo, vulcanologistas fazem medições próximas ao lago da cratera do vulcão, vista ao fundo. Acima, imagem de satélite do local, vista através do aplicativo SatMaps.







Apolo11.com - Todos os direitos reservados - 2000 - 2018
Política de Privacidade   |     Termo de Uso e Licenciamento   |  -   Entre em Contato

"As leis não são feitas para o homem bom" - Sócrates