Siga o Apolo11 no Facebook   Siga o Apolo11 no Twiiter
Ciência, Espaço e Tecnologia

Lunetas e Telescopios

cosmonauta

11/04/2009
19h42
ISS bem mais visível
Categoria: Satélites e Ciências Espacias

Olá amigos.

Depois de algum tempo sem observar a ISS por motivo de chuvas, eis que acabo de ve-la passar bem no alto em minha região.

E seu brilho, após a instalação dos novos Painéis solares aumentou em média 50%. Além disso uma espécie de Flare ainda deu sua graça por alguns instantes, gerando um clarão ainda maior.

Um abraço a todos.


Tot

12/04/2009
08h43
Olá Cosmonauta, "O Russo" segundo o hibernante Kelso.

Acho que agora que acabou o verão nosso amigo Kelso deixará de ficar durante o dia inteiro na praia e na maravilhosa orla de Santos á noite e nos dará o prazer de seus minuciosos comentários.

Falando em ISS hoje à tarde/noite ela nos dará (pelo menos aqui na região de Araras) mais uma oportunidade de ve-la, hora 18:21 partindo de NNW rumo ESE e será visivel por quase 5 minutos.

Abraço,

Tot


CHM

12/04/2009
15h00
eu to doido pra ver a ISS mas o clima também não tem colaborado. ja acordei umas 4 vezes de madrugada pra vê-la mas sem sucesso ou o céu está muito encoberto ou uma neblina densa que não se vê nada que ao decorrer do dia vai embora e faz dias perfeitos quase sem nuvens, parece que é só para eu nao poder observar.

mas segunda 13/04 está prevista para as 18:48h com magnitude -2.1. um horário muito bom aqui no RS pois o sol se põe por volta de 18:30 e será uma excelente oportunidade para filmar


Tot

12/04/2009
18h28
Olá amigos do A11.

Acabei de ve-la nesse instante.

Abraços,

Tot

Importante: Todos os posts são de total responsabilidade dos seus autores e não refletem necessariamente a opinião do Apolo11.com. Informações sobre nossa Política de Privacidade podem ser encontradas no rodapé da página.

Apolo11.com - Todos os direitos reservados - 2000 - 2018
Política de Privacidade   |     Termo de Uso e Licenciamento   |  -   Entre em Contato

"O segredo em negócios é saber alguma coisa que mais ninguém sabe." - Aristóteles Onassis