Siga o Apolo11 no Facebook   Siga o Apolo11 no Twiiter
Ciência, Espaço e Tecnologia

Lunetas e Telescopios

HMEDEIROS

23/06/2009
11h29
Por que a trajetória de um satélite parece uma curva?
Categoria: Satélites e Ciências Espacias

Olá, amigos do A11...

Prazer em participar novamente.

Vcs poderiam me responder uma pergunta?

Porque, ao visualizarmos o mapa mundial, a trajetória da ISS (por exemplo), aparece como um "S", uma espécie de linha curvilínea??

Abraços a todos !!!


Descadastrado

23/06/2009
16h36
Olá HMEDEIROS,

Lembre-se que o mapa é uma representação plana de um objeto esférico, no caso, a Terra.

A órbita da ISS é polar, ou seja, de Norte para Sul.

Conforme ela se desloca de Norte para Sul, a Terra também executa seu movimento de rotação.

A maneira de se representar em um mapa plano, acaba por ser mostrado uma trajetótia mais parecida com um "S".

Veja este link onde há uma animação que explica bem esta questão: http://pt.wikipedia.org/wiki/Ficheiro:Polar_orbit.ogg

Espero ter esclarecido.

Saudações!


cosmonauta

23/06/2009
19h21
Olá amigos do A11

O ATM está certo ao afirmar sobre a representação plana num gráfico mas que a órbita é circular ao redor do globo.

No entanto a órbita da ISS não é considerada polar, visto que alcança até 52 graus ao Norte a ao Sul. E circula perpendicularmente, inclinada em relação ao Equador Terrestre passando 2 vezes sobre ele em cada órbita.

Em nossa região ela circula sempre de Noroeste a Sudeste, ou de Sudoeste a Nordeste. Apenas em sua pequena passagem no Sul ou a Norte, no extremo de sua inclinação toma rumo Oeste Leste. (Veja no Gráfico)

Satélites polares tem sua órbita bem próxima dos 90 graus e circulam de Norte a Sul e de S/N. Devido ao movimento de rotação da Terra, seu movimento aparente tem uma pequena tendencia de desvio para oeste.

Mas nenhum satélite é lançado para orbitar de Leste a Oeste.

No caso da ISS e a maioria dos satélites, giram em plano inclinado para cobrir a maioria dos continentes e área habitada. Fosse na linha do Equador, serviria para pouca coisa, atingindo pouca área para pesquisas.

Apenas satélites Geostacionários, na faixa de 36.000 km de atitude, se posicionam bem próximos à esta linha imaginária.

Abraço a todos.


Descadastrado

23/06/2009
19h27
Cosmonauta: "No entanto a órbita da ISS não é considerada polar, visto que alcança até 52 graus ao Norte a ao Sul. E circula perpendicularmente, inclinada em relação ao Equador Terrestre passando 2 vezes sobre ele em cada órbita."

Taí uma informação que eu desconhecia (quem sabe, sabe!)

Muito bom!

Saudações.


Victor Hugo

23/06/2009
19h56
Cosmonauta, você falou de Satelite Geoestacionario. Esses satelites são aqueles que ficam sempre parados em algum ponta da terra né?

Mais como eles conseguem ficar estacionados no espaço?

Abraço...


HMEDEIROS

23/06/2009
21h17
Beleza, amigos do A11 !!

Obrigado ATM e Cosmonauta.

Aliás, como está nossa Nova Andradina, amigo Cosmonauta ??

Boas visualizações por aí ??

Espero poder "bisbilhotar" mais, em breve... rsrsrssr!

Ainda bem que temos em nosso fórum boas almas inteligentes.

Abraços a todos!!


cosmonauta

23/06/2009
21h58
Victor Hugo

Na realidade os satélites estão em grande velocidade, porem devido a essa distancia de 36.000 km, demoram exatamente 24 horas ou seja 1 dia, para completarem sua órbita.

Como neste período a Terra tambem da 1 volta no seu imaginário eixo, ou seja sobre si mesma, a posição do satélite estará sempre no mesmo ponto, isto é, sincronizada com a Rotação da Terra.

Face a esta grande coincidência, é possível utilizar esse recurso para as transmissôes de sinal de TV e todo tipo de comunicação, inclusive de satélite para satélite.

Temos hoje um amontoado de satélites Geostacionários, espaçados no Equador da Terra, por alguns graus e atendendo a todo o globo.

Mas se estiverem acima de 36.000 km de altuta, sua órbita se torna invertida, aparentam estar voltando.

Isso é possível de ver, acompanhando o Rastreio de alguns satélites.

Para ilustração e seu conhecimento, os satélites de GPS que trazem uma infinidade de Recursos na área de Mapeamento e localizãção geografica, orbitam na faixa de 20.000 Km de altura e num período de cerca de 12 horas, 2 voltas ao dia.

HMEDEIROS, tudo bem por aqui e a nossa Campo Grande?

Abraços.


Victor Hugo

24/06/2009
13h37
Ahh... Agora entendi Cosmonauta!

Muito obrigado, abraço.


HMEDEIROS

24/06/2009
13h54
Não desprezando Nova Andradina, mas Campo Grande é show de bola, Cosmonauta... está devendo uma visitinha, ok??

Abraços a todos do A11 !!!

Importante: Todos os posts são de total responsabilidade dos seus autores e não refletem necessariamente a opinião do Apolo11.com. Informações sobre nossa Política de Privacidade podem ser encontradas no rodapé da página.

Apolo11.com - Todos os direitos reservados - 2000 - 2018
Política de Privacidade   |     Termo de Uso e Licenciamento   |  -   Entre em Contato

"As leis não são feitas para o homem bom" - Sócrates