Espaço - Ciências - Fenômenos Naturais
Compartilhe! 

Editoria: Astronomia
Quinta-feira, 7 set 2006 - 08h29

Eclipse parcial da Lua pode ser visto em parte do Brasil

Hoje à tarde, o céu será palco de mais um eclipse da Lua. O eclipse será parcial e começará às 13h42 e finalizará às 18h00. A plenitude do evento será às 15h51 (Hora de Brasília).

Durante um eclipse parcial da Lua, a Terra situa-se entre o Sol e nosso satélite, projetando sua sombra sobre este.

No eclipse de hoje, somente algumas cidades situadas na faixa leste do país, poderão ver, por alguns minutos, apenas parte do eclipse parcial. O motivo é que o eclipse termina às 18h00 e na maioria dos Estados onde o fenômeno será visível, a Lua nasce próximo às 17h30.

Como eclipse começa às 13h42, no Brasil a Lua já nasce eclipsada pela Terra.

Veja abaixo o mapa de visibilidade do eclipse.


Umbra e Penumbra
A sombra projetada pela Terra tem aproximadamente 1.3 milhão de quilômetros. Essa sombra tem a forma de um cone e é composto de 2 regiões: a Umbra, uma região escura onde a Terra bloqueia toda a luz solar e a Penumbra, região mais clara em volta da umbra, onde apenas uma parte da luz solar é bloqueada pela Terra.

O eclipse começa no momento que a Lua toca a Penumbra. Neste momento não é possível notar qualquer mudança, já que a sombra nesta região é muito tênue. A variação no brilho lunar só será perceptível quando a Lua toca a Umbra, a parte totalmente escura da sombra.

No eclipse de hoje, as cidades brasileiras aptas a ver o fenômeno, só presenciarão a fase penumbral. Além da lua estar muito próxima do horizonte, a variação de brilho será mínima.


Lua Gigante!
Se você queria ver este eclipse mas a lua cismou em nascer um pouquinho mais tarde, esqueça o eclipse e repare em nosso satélite. Na madrugada de sexta feira a Lua estará 50 mil quilômetros mais perto da Terra, a maior aproximação de 2006. Esse momento é conhecido como Perigeu e o disco solar parecerá 12% maior do que o de costume. Aproveite !







Apolo11.com - Todos os direitos reservados - 2000 - 2018
Política de Privacidade   |     Termo de Uso e Licenciamento   |  -   Entre em Contato

"Dignidade não consiste em possuir honrarias, mas em merecê-las" - Aristóteles