Espaço - Ciências - Fenômenos Naturais
Sexta-feira, 18 set 2009 - 09h14
Por

Alemanha investiga aumento de terremotos causado por usinas

Especialistas estudam a chance de usinas geotérmicas aumentarem o risco de terremotos. Um caso na Alemanha é investigado por um painel do governo através de uma pesquisa geológica conduzida pelo Estado de Rhinerland-Palatine.

Uma usina geotérmica teria provocado um terremoto de magnitude 2,7 graus na escala Richter, na cidade de Landau. O tremor de terra ocorreu no dia 15 de agosto e caso o painel conclua essa possibilidade a usina poderá ser desativada.

Usinas geotérmicas trabalham bombeando água em rochas quentes, a vários quilômetros sob a terra, forçando pequenas fissuras nas rochas para expansão. O vapor que escapa por meio das rachaduras até a superfície aciona uma turbina, produzindo energia limpa. Entretanto, alguns estudiosos afirmam que esse processo aumenta o risco de terremotos.

"Qualquer processo que injete água pressurizada em rochas profundas fará com que elas se fraturem e, eventualmente, provocará terremotos", diz Brian Baptie, especialista em terremotos da British Geological Society.

Outros especialistas rebatem que mesmo terremotos mais fortes causados por liberação de energia geotérmica não conseguiram abalar grandes estruturas. Ernest Majer, sismólogo do Lawrence Berkeley National Laboratory, na Califórnia (EUA) acrescenta que a energia geotérmica não é a única indústria que pode causar terremotos.

"Qualquer indústria que injeta fluidos de alta pressão dentro de pedras, o que inclui a do petróleo e a nuclear tem potencial para causar tremores", reforça Majer.


Foto: Usina geotérmica de The Nesjavellir, na Islândia. Crédito:Wikimedia Commons.







Termo de Uso  |   Links Úteis  |   Imprensa  |  Anuncie  |  Fale Conosco  |  Versão Celular  |   Política de Privacidade

Apolo11.com - Todos os direitos reservados - 2000 - 2019

"Todo indivíduo que aspira ao poder já vendeu a alma ao diabo" - Goethe