Segunda-feira, 11 dez 2017 - 10h06
Por Rogério Leite

Alerta: vulcão Oraefajokull pode entrar em erupção na Islândia

Um dos vulcões mais perigosos da Islândia teve sua atividade sísmica aumentada nas últimas semanas e de acordo com vulcanologistas todos os sinais implicam fortemente que o magma está se movendo em direção à superfície. Uma erupção poderia ser até pior que a do vulcão Eyjafjallajökull, em 2010.

Vulcao Eyjafjallajökull
Em 2010, a explosão do Eyjafjallajökull paralisou todos os aeroportos da Europa por diversos dias.

Oraefajokull é considerado pelos especialistas como um dos vulcões mais perigosos da Islândia. Ele não entra em erupção desde 1728 e a falta de dados históricos não deixa claro a frequência com que o magma chega à superfície. Em 1372, a explosão de Oraefajokull destruiu por completo o município de Litla-Hérað, que ficou soterrado devido a detritos vulcânicos e inundações.

Na semana passada, o Instituto Meteorológico da Islândia detectou 160 terremotos na área, contagem muito superior ao ruído de fundo característico da formação. Além disso, a detecção de diversos tremores harmônicos fez as autoridades passarem à laranja o nível de alerta.

Tremor Harmônico
Os tremores harmônicos são vibrações bastante tênues detectadas por sismômetros e que indicam de forma inequívoca que o magma está fluindo com alta pressão dentro das cavidades do vulcão.

Ainda de acordo com o instituto islandês, a área ao redor de Oraefajokull cheira a enxofre, que está vazando na superfície juntamente com águas subterrâneas aquecidas e turvas. Uma cavidade na neve no topo da montanha está ficando mais profunda a uma taxa notável de 45 centímetros por dia.

O vulcão está localizado no sudeste da Islândia, a sudeste de outro vulcão, o Hvannadalshnúkur, o ponto mais elevado do país. É o maior vulcão ativo do país, elevando-se a 2110 metros acima do Parque Nacional Skaftafell.

No entender de Tobias Dürig, pesquisador volcanologista e pós-doutorado da Universidade de Otago, Nova Zelândia, que estuda o monte há mais de 15 anos, todos os sinais indicam que o magma está se movendo em direção à superfície.

"Embora o nível de atividade tenha decrescido nos últimos dias, os indicadores, em especial os tremores harmônicos observados, revelam uma nova fase da atividade vulcânica e não será surpresa se um novo enxame sísmico for novamente detectado", explicou.

Eyjafjallajökull
O cientista também explicou que existe a possibilidade de que, após certo limiar de estresse, uma quantidade significativa de magma possa ser liberada. "Em combinação com a geleira, esse fluxo de lava pode levar a um cenário extremamente perigoso, até pior que o ocorrido em 2010, quando a erupção do vulcão Eyjafjallajökull paralisou todos os aeroportos da Europa por diversos dias", disse Dürig.

LEIA MAIS NOTÍCIAS
Base de Dados Completa

Se você precisa de uma base de dados de latitude e Longitude das cidades brasileiras, clique aqui.
Podemos fornecer uma base completa, com mais de 5500 cidades em formato Excel.
Ideal para Projetos, Desenvolvimentos e construção de aplicativos.














Termo de Uso  |   Links Úteis  |   Imprensa  |  Anuncie  |  Fale Conosco  |  Versão Celular  |   Política de Privacidade

Apolo11.com - Todos os direitos reservados - 2000 - 2019

"O homem tem de estabelecer um final para a guerra, senão a guerra irá estabelecer um final para a humanidade" - John Kennedy