Sexta-feira, 10 jul 2015 - 08h39
Por Rogério Leite

Bateu o martelo: estudo afirma que Planeta X, Nêmesis ou Tyche não existem

Depois de analisar milhões de imagens feitas pelo telescópio espacial WISE, pesquisadores concluíram que não existe nenhum objeto celeste escuro, invisível ou de grande porte além da orbita de Plutão.

planeta Tyche e Nuvem de Oort

Em 1999, uma dupla de pesquisadores estadunidenses constatou que alguns cometas apresentavam fortes desvios em relação às órbitas calculadas e que isso poderia ser provocado pela interação gravitacional com algum objeto desconhecido e de grande massa.

Na ocasião, John Matese e Daniel Whitmire, ligados à Universidade de Lousiana-Lafayette, propuseram que esse desvio estava sendo provocado por um objeto quatro vezes maior que Júpiter, localizado nas proximidades da nuvem de Oort, ainda dentro do Sistema Solar. Esse planeta hipotético foi batizado de Tyche.

De acordo com os pesquisadores, devido ao brilho e temperatura muito baixos, a existência de Tyche só poderia ser comprovada através de imagens no espectro infravermelho e apostaram suas fichas nas imagens a serem produzidas pelo telescópio espacial WISE, que seria lançado em 2009.

Segundo a teoria de Matese e Whitmire, caso Tyche realmente existisse ele se localizaria a 2.25 trilhões de quilômetros.

Agora, passados cinco anos desde o lançamento do telescópio, um novo estudo mostrou que não existe qualquer objeto do tamanho ou maior que Saturno em um raio de 26 mil unidades astronômicas (UA), o equivalente a 3.9 trilhões de quilômetros de distância.

A afirmação é baseada no estudo de milhões de imagens registradas pelo telescópio espacial WISE entre os anos de 2010 e 2011 e que foram analisadas individualmente com auxílio de supercomputadores. Em sua missão, WISE capturou dados de nada menos que 750 milhões de asteroides, estrelas e galáxias.

"Nossa busca mostrou que o Sistema Solar exterior provavelmente não contem nenhum planeta pequeno, gigante ou uma estrela companheira do nosso Sol", afirmou Kevin Luhman, ligado à Universidade do Estado da Pensilvânia e autor do estudo, publicado essa semana no Astrophysical Journal.


Grandes Extinções
Antes das teorias de Matese e Whitmire, a hipótese de um corpo de grande massa nos confins do Sistema Solar já era debatida, em parte devido a alguns estudos geológicos que sugeriam uma periodicidade associada às grandes extinções em massa na Terra.

A ideia era que um grande planeta ou até mesmo uma pequena estrela seria responsável por arremessar alguns cometas para dentro do Sistema Solar, que ciclicamente atingiriam a Terra. No entanto, essas teorias nunca ganharam força e foram amplamente descartadas.


Poucas Evidências
No entender Hal Levison, cientista planetário ligado ao Instituto de Pesquisas do Sudoeste, no Colorado, os desvios que Matese e Whitmire detectaram é um sinal muito sutil. "Não tenho certeza que esse desvio nas estatísticas seja significativo e provocado por um planeta com quatro vezes a massa de Júpiter. Não tenho nada contra a ideia, mas acredito que as estatísticas não estão sendo feitas corretamente", disse o astrofísico.

Com o estudo atual baseado nas imagens e dados do WISE, fica bastante difícil aceitar facilmente a hipótese da existência um grande objeto escondido no interior do Sistema Solar.


Arte: localização da Nuvem de Oort dentro do Sistema Solar. Se Tyche existisse, ele se localizaria a 2.25 trilhões de quilômetros do Sol. Seria um objeto gasoso e levaria cerca de 1.7 milhão anos para completar uma revolução ao redor do Sol. O telescópio WISE registrou objetos além dessa distância, mas não encontrou um corpo com a massa e tamanhos previstos. Crédito: Southwest Research Institute/Apolo11.com

LEIA MAIS NOTÍCIAS
Base de Dados Completa

Se você precisa de uma base de dados de latitude e Longitude das cidades brasileiras, clique aqui.
Podemos fornecer uma base completa, com mais de 5500 cidades em formato Excel.
Ideal para Projetos, Desenvolvimentos e construção de aplicativos.














Termo de Uso  |   Links Úteis  |   Imprensa  |  Anuncie  |  Fale Conosco  |  Versão Celular  |   Política de Privacidade

Apolo11.com - Todos os direitos reservados - 2000 - 2019

"Os homens deveriam fazer com suas esperanças o que fazem com suas galinhas: cortar suas asas para que não possam fugir voando" - Lorde Halifax