Sexta-feira, 31 jan 2014 - 11h02
Por Rogério Leite

Beleza no céu. Acorde cedo e veja Vênus até de dia!

Algumas pessoas já perceberam uma estrela bastante brilhante que cisma em permanecer no céu mesmo após o Sol já ter nascido. Na realidade, esse brilho não vem de uma estrela, mas do planeta Vênus que ultimamente, pode ser visto até mesmo durante o dia.

Planeta Venus de dia
Clique para ampliar

Normalmente, é mais fácil perceber a presença brilhante de Vênus antes ou após o pôr do Sol, já que as pessoas estão mais dispostas a relaxar e olhar para o horizonte após o dia de trabalho ou estudo. No entanto, muita gente acorda cedo (ou dorme tarde) também e aquela olhadinha básica para o céu é quase um costume.

Nos últimos dias, a observação do planeta Vênus está bastante favorecida já que o astro está surgindo bem antes do nascer do Sol, mantendo-se brilhante por mais de duas horas mesmo com céu já claro, o que vem chamando atenção dos observadores. Alguns nem sabem do que se trata.

Atualmente, Vênus se localiza a 48 milhões de quilômetros da Terra e apesar de aparentar ser um pontinho quando visto a olho nu, seu disco não está totalmente iluminado. Através de um pequeno binóculo ou telescópio podemos ver claramente que o planeta está com apenas uma fração do disco voltado para o Sol, formando uma espécie de Vênus Crescente. Se na sexta-feira apenas 12% de seu disco estava iluminado, no sábado essa porção será de 13% e no domingo, 14%.

Planeta Venus de dia - Carta Celeste
Clique para ampliar


Observando Vênus
Se você ainda não viu o planeta por esses dias, não tem segredo. Basta olhar para o quadrante leste, aquele em que nasce o Sol, a partir das 5 horas da manhã. Vênus é o objeto mais brilhante.

Ele poderá ser visto facilmente até as 7 ou 8 horas. Se o céu estiver bem azul, utilize um filtro vermelho para observa-lo. Esse é um "truque" usado pelos astrônomos e astrofotógrafos, já que o filtro vermelho escurece o azul do céu, destacando o brilho do planeta. Para experimentar, até celofane pode ser usado.

Bons céus!


Artes: No topo, imagem simulada mostra a aparência do disco venusiano no dia 31 de janeiro de 2013, observável através de um binóculo ou telescópio. Acima, paisagem simulada mostra o planeta como visto por um observador matinal. Créditos: Stellarium, Apolo11.com.

LEIA MAIS NOTÍCIAS
Base de Dados Completa

Se você precisa de uma base de dados de latitude e Longitude das cidades brasileiras, clique aqui.
Podemos fornecer uma base completa, com mais de 5500 cidades em formato Excel.
Ideal para Projetos, Desenvolvimentos e construção de aplicativos.














Termo de Uso  |   Links Úteis  |   Imprensa  |  Anuncie  |  Fale Conosco  |  Versão Celular  |   Política de Privacidade

Apolo11.com - Todos os direitos reservados - 2000 - 2019

"Existem velas que iluminam tudo, menos o próprio candelabro" - Hebbel