Terça-feira, 9 abr 2013 - 09h43
Por Rogério Leite

Bigbang: cientista simula o som do momento da criação do Universo

Depois que os dados fornecidos pelo telescópio espacial Planck permitiram a criação do mais detalhado mapa do início do Universo, um novo estudo simulou como seria o possível som desse momento, produzido por ondas de compressão através do plasma.

Bigbang
Clique para ampliar

O trabalho de simulação foi feito pelo cientista estadunidense John Cramer, ligado à Universidade de Washington, que usou os mesmos dados que foram empregados recentemente na elaboração do mapa do início do Universo, produzidos pelo telescópio espacial Planck, da Agência Espacial Europeia.

A simulação retrata a propagação das ondas de compressão se deslocando através do plasma ou hidrogênio durante o período entre 100 mil e 700 mil anos após o Bigbang. Para se tornar audível, o evento foi acelerado 100 septilhões de vezes e compactado em um clipe de áudio de 200 segundos através de um programa de conversão.

Clique aqui para ouvir o som do Bigbang

Esse tipo de processo - aceleração de eventos com ondas de frequências extremamente baixas - também é empregado em sismologia e permite aos especialistas "ouvir" o som dos terremotos.

O resultado audível da simulação de Cramer é muito parecido com aqueles produzidos por megaterremotos terrestres, que fazem o planeta todo ressoar por alguns dias. No caso do Bigbang o tremor durou cerca de 700 mil anos.

A missão do telescópio é analisar a Radiação Cósmica de Fundo, identificando tênues variações na temperatura nos momentos iniciais do Universo. De acordo com os pesquisadores, essas tênues variações seriam o DNA do Universo e que deu origem às galáxias, estrelas, planetas e toda a forma de vida.

A análise dos dados mostra um grande pico de radiação em 379 mil anos após o Bigbang, com queda de 60% na intensidade aos 269 mil anos e 489 mil anos.

Como os dados gerados pelo Planck representam as variações de temperatura, a primeira conclusão é que o áudio da simulação representa o resfriamento do Universo (ou variação de frequência da Radiação Cósmica de Fundo), mas segundo Crammer o som original não era de variações de temperatura, mas de ondas sonoras reais que se propagaram pelo Universo.

roger

LEIA MAIS NOTÍCIAS
Base de Dados Completa

Se você precisa de uma base de dados de latitude e Longitude das cidades brasileiras, clique aqui.
Podemos fornecer uma base completa, com mais de 5500 cidades em formato Excel.
Ideal para Projetos, Desenvolvimentos e construção de aplicativos.














Termo de Uso  |   Links Úteis  |   Imprensa  |  Anuncie  |  Fale Conosco  |  Versão Celular  |   Política de Privacidade

Apolo11.com - Todos os direitos reservados - 2000 - 2019

"O homem tem de estabelecer um final para a guerra, senão a guerra irá estabelecer um final para a humanidade" - John Kennedy