Sexta-feira, 15 jan 2010 - 19h15

Cientistas captam direto da Terra espectro luminoso de exoplaneta

Astrônomos conseguiram obter pela primeira vez diretamente da Terra, o espectro luminoso e a composição química da atmosfera de um gigante exoplaneta, que gira em torno de uma estrela normal, comparável ao Sol. A ajuda do telescópio VLT (Very Large Telescope), situado no Monte Paranal, no Chile, foi essencial para a observação.

Espectro luminoso de planeta extrasolar

O Observatório Europeu Austral opera o telescópio no deserto do Atacama. São quatro grandes telescópios, cada um com um espelho principal de 8,2 metros de diâmetro possível de operar em grupo permitindo aos astrônomos observar detalhes como se estivessem usando um telescópio muito maior.

Os cientistas observaram então, um sistema de três exoplanetas situados a 130 anos-luz da Terra e conseguiram obter o espectro de um planeta com massa dez vezes maior que Júpiter e que gira em torno da estrela HR 8799.

"O espectro proporciona informações essenciais sobre os elementos químicos da atmosfera do planeta”, explicou Markus Janson, da Universidade de Toronto, ao falar sobre seu trabalho publicado na revista Astrophysical Journal.

As informações serão valiosas para a melhor compreensão da formação desses planetas e no futuro, ajudar a encontrar sinais de possibilidade de vida. No exoplaneta em questão, a temperatura da superfície alcança 800ºC.

A equipe de Markus Janson mediu diretamente o espectro luminoso do exoplaneta HR 8799c, situado aproximadamente 38 vezes mais longe de sua estrela do que a Terra do Sol.

Até agora, o espectro de um exoplaneta só era captado por telescópios espaciais quando passassem por trás de sua estrela. Neste caso, o espectro era deduzido através de um método que comparava a luz recebida antes, quando a estrela e o planeta eram visíveis, e depois captada quando o planeta era ocultado pela estrela.


Foto: Esquema simplificado mostra o espectro luminoso da estrela HR8799, captado pelo telescópio europeu VLT, instalado nos andes chilenos. Através da alteração nas raias espectrais foi possível conhecer a composição química do exoplaneta HR8799c que orbita a sua volta. Crédito: ESO.

LEIA MAIS NOTÍCIAS
Base de Dados Completa

Se você precisa de uma base de dados de latitude e Longitude das cidades brasileiras, clique aqui.
Podemos fornecer uma base completa, com mais de 5500 cidades em formato Excel.
Ideal para Projetos, Desenvolvimentos e construção de aplicativos.














Termo de Uso  |   Links Úteis  |   Imprensa  |  Anuncie  |  Fale Conosco  |  Versão Celular  |   Política de Privacidade

Apolo11.com - Todos os direitos reservados - 2000 - 2019

"Quem não compreende um olhar, tampouco há de compreender uma longa explicação" - Provérbio Arabe