Sexta-feira, 30 jun 2006 - 06h22

Com transmissão ao vivo pelo Apolo11, Discovery parte rumo à ISS

Segue normalmente a contagem regressiva para o lançamento do ônibus espacial Discovery, programado para ir ao espaço neste sábado. O único obstáculo são as nuvens de tempestade.

Este é o segundo vôo espacial tripulado feito pelos EUA desde a tragédia da Columbia, em fevereiro de 2003. A Discovery deverá se acoplar com a Estação Espacial Internacional - ISS, em uma jornada que deverá durar cinco dias.

"Nesse momento, estamos exatamente aonde queríamos estar, que é no tempo certo e sem detectar nenhum problema significativo", disse Pete Nicolenko, diretor de testes da Nasa.

Até ontem havia 60% de chance de que as nuvens de tempestade trazendo chuvas e raios adiassem o lançamento no sábado. Segundo Kathy Winters, meteorologista da NASA, a previsão não melhorou muito.

A data prevista para o lançamento é o dia 1 de julho, sábado, às 16h48 Hora de Brasília e será retransmitido ao vivo pelo Apolo11.com. A missão, comandanda pelo norte-americano Steve Lindsey, marca um novo começo na construção da ISS, suspenso há quase um ano.

Caso ocorram adiamentos, o horário será antecipado 22 minutos para cada dia que for adiado. No entanto o lançamento deve ocorrer mesmo no sábado ou domingo, com nova tentativa na terça-feira.

Problemas
O tempo chuvoso interrompeu as preparações nesta quinta, já que o abastecimento do sistema de energia do ônibus espacial foi adiado por causa da ameaça de raios. Não se espera que o adiamento afete a contagem regressiva.

O alto escalão da agência americana se reuniu nesta quinta para discutir qualquer problema com o lançamento, mas não falaram sobre a controversa decisão de voar com o ônibus sem fazer mudanças adicionais de projeto na espuma do seu tanque de combustível externo.

Há duas semanas, em outro encontro da alta cúpula, o oficial de segurança da Nasa e o engenheiro-chefe foram contra o lançamento, devido às preocupações de que a perigosa espuma poderia se soltar do tanque e danificar o ônibus espacial. Ambos foram demitidos por se recusarem a liberar o vôo deste sábado. A espuma que bateu na asa do Columbia foi culpada pela desintegração do ônibus, sobre o Texas.

A equipe de sete membros do Discovery vai testar a inspeção e as técnicas de reparo do ônibus, levar suprimentos e equipamentos à ISS , além de enviar o astronauta alemão Thomas Reiter, da Agência Espacial Européia, para uma estadia de seis meses a bordo da ISS.

Os astronautas Piers Sellers e Mike Fossum vão fazer duas caminhadas espaciais e possivelmente uma terceira, o que acrescentaria um dia à missão.

Na foto, a placa próxima ao Kennedy Space Center mostra o tempo restante para o lançamento da Discovery.

Além de acompanhar ao vivo a cobertura do lançamento da Discovery, você também pode acompanhar minuto a minuto a posição da Estação Espacial Internacional. Experimente. Clique aqui ! .

LEIA MAIS NOTÍCIAS
Base de Dados Completa

Se você precisa de uma base de dados de latitude e Longitude das cidades brasileiras, clique aqui.
Podemos fornecer uma base completa, com mais de 5500 cidades em formato Excel.
Ideal para Projetos, Desenvolvimentos e construção de aplicativos.














Termo de Uso  |   Links Úteis  |   Imprensa  |  Anuncie  |  Fale Conosco  |  Versão Celular  |   Política de Privacidade

Apolo11.com - Todos os direitos reservados - 2000 - 2019

"Ler é entrar num continente que já foi percorrido por uma quantidade de pessoas antes, mas que continua virgem, de uma certa maneira" - José Saramago