Sexta-feira, 20 fev 2009 - 12h24

ESA cria novo programa para evitar colisões no espaço

Preocupada com o grande aumento de satélites na órbita da Terra, a Agência Espacial Européia (ESA) está criando novos programas com o objetivo de evitar colisões espaciais.

Um novo programa de monitoramento chamado Conscientização da Situação Espacial foi lançado no início do ano a um custo de US$ 64 milhões. Ele vai ampliar os dados sobre pelo menos 13 mil satélites que hoje orbitam o planeta.

Justamente em fevereiro, um satélite russo e um americano se chocaram em pleno espaço. "O que o último acidente nos mostrou é que precisamos fazer muito mais. Temos de receber mais dados precisos a fim de evitar novas colisões", disse Jean-François Kaufeler, especialista em detritos espaciais da ESA.

A colisão entre os dois satélites gerou fragmentos que podem ameaçar outros satélites nos próximos 10 mil anos.

A principal idéia do novo programa da ESA é aumentar a quantidade de informações compartilhadas entre as diversas agências espaciais no mundo, incluindo a Nasa e a russa Roskosmos.

Outro aspecto importante é estabelecer normas internacionais sobre a forma como os detritos são descritos e monitorados. Para Kaufeler, “as medições dos detritos espaciais não são precisas o suficiente”.

Em março acontecerá a quinta Conferência Europeia sobre Detritos Espaciais, na ESA. O recente choque entre os satélites americano e russo trouxe à tona novamente o problema da enorme quantidade de lixo espacial que vaga em torno da Terra.

LEIA MAIS NOTÍCIAS
Base de Dados Completa

Se você precisa de uma base de dados de latitude e Longitude das cidades brasileiras, clique aqui.
Podemos fornecer uma base completa, com mais de 5500 cidades em formato Excel.
Ideal para Projetos, Desenvolvimentos e construção de aplicativos.














Termo de Uso  |   Links Úteis  |   Imprensa  |  Anuncie  |  Fale Conosco  |  Versão Celular  |   Política de Privacidade

Apolo11.com - Todos os direitos reservados - 2000 - 2019

"A recordação da alegria não é mais alegria / enquanto a recordação da dor é dor ainda" - Byron