Quinta-feira, 13 nov 2008 - 09h56

Estudo diz que nova Era Glacial pode começar em 10 mil anos

De acordo com os cientistas que estudam as mudanças climáticas, os gases do efeito estufa são os principais responsáveis pelo fenômeno do aquecimento global, especialmente o gás carbônico e o metano. No entanto, em recente artigo publicado na Revista Nature os pesquisadores explicam que esses mesmos gases poderão ajudar a evitar que a Terra passe novamente por uma nova Era Glacial, prevista nos modelos.

geleira

Segundo o autor do estudo, cientista Thomas Crowley, da Universidade de Edimburgo, um novo período de resfriamento deve se iniciar dentro de 10 mil a 100 mil anos e poderá levar grande parte da América do Norte, Europa e Rússia a se tornarem uma gigantesca pedra de gelo.

A previsão de Crowley está sustentada no estudo das alterações da órbita da Terra e de minúsculos fósseis marinhos e não deve ser usada como desculpa para não combater a desenfreada queima de combustíveis fósseis, principal responsável pela geração dos gases do efeito estufa.

Em entrevista concedida à agência de notícias Reuters, Crowley disse que "geologicamente, 10 mil ou 100 mil anos é amanhã, mas ainda temos bastante tempo para discutir sobre os níveis adequados da emissão de gases do efeito estufa".

Segundo Crowley, um eventual congelamento de grandes áreas do Hemisfério Norte e de todo o mar em torno da Antártida reduziria o nível dos oceanos em até 300 metros, o que deixaria o Alasca e a Rússia ligados por terra.

Naturalmente, a desenfreada emissão de gases do efeito estufa pode atrasar ou impedir que a Terra entre em uma nova Era Glacial, mas segundo o cientista, "Atualmente, não há justificativa para dizer: 'Vamos continuar injetando dióxido de carbono na atmosfera'. No momento, as preocupações devem ser sobre os níveis adequados da emissão dos gases".


Controle Atmosférico
Uma das maneiras de se inferir o nível que os oceanos através dos tempos é analisando a composição química dos fósseis, que varia de acordo com a química do ambiente. Em um mar mais raso e com menos água, por exemplo, o sal é mais concentrado. Realizando análises do nível de sal nos fósseis, Crowley e sua equipe concluíram que durante a última Era Glacial o nível dos oceanos baixou além de 130 metros.

"Com ajustes muito modestos e correções no nível de CO2 atmosférico, é provável que as futuras sociedades possam evitar indefinidamente esta transição", disse Crowley.

Eras Glaciares
Durante os últimos milhões de anos a Terra passou por várias eras glaciares, normalmente com intervalos de 40 mil a 100 mil anos. Entre elas se destacam a Glaciação de Günz há cerca de 700 mil anos, a Glaciação Mindel há 500 mil anos, a Glaciação Riss há aproximadamente 300 mil anos e Glaciação Würm ou Wisconsin, há 150 mil anos.

Nova Era
Segundo o estudo publicado, as recentes variações ocorridas nos últimos 900 mil anos entre Eras glaciares e períodos de aquecimento como o atual, estão se tornando mais acentuadas. Por outro lado os modelos gerados em supercomputadores indicam que essa instabilidade pode ser o prenúncio de um novo ciclo, muito mais frio e estável que os anteriores.

De acordo com Crowley, os seres humanos se desenvolveram há apenas 150 mil anos e nunca experimentaram um ambiente tão frio quanto o prenunciado nos modelos.

Uma alteração climática semelhante ocorreu há 34 milhões de anos, quando pela primeira vez o gelo encobriu a Antártida. De acordo com o cientista isso pode começar novamente com um ligeiro aumento nas camadas polares, uma vez que o gelo e a neve refletem mais a luz solar de volta ao espaço, aumentado ainda mais o resfriamento.


Foto: Paisagem glaciar, típica das regiões polares. Crédito: Wikimedia Commons.

LEIA MAIS NOTÍCIAS
Base de Dados Completa

Se você precisa de uma base de dados de latitude e Longitude das cidades brasileiras, clique aqui.
Podemos fornecer uma base completa, com mais de 5500 cidades em formato Excel.
Ideal para Projetos, Desenvolvimentos e construção de aplicativos.














Termo de Uso  |   Links Úteis  |   Imprensa  |  Anuncie  |  Fale Conosco  |  Versão Celular  |   Política de Privacidade

Apolo11.com - Todos os direitos reservados - 2000 - 2019

"Quem não compreende um olhar, tampouco há de compreender uma longa explicação" - Provérbio Arabe