Espaço - Ciências - Fenômenos Naturais
17 fev 2005 - 08h04
Por

Forte ciclone Olaf atinge Samôa e Nancy perde força no Pacífico

Nesta imagem, feita às 18h52 UTC (16h52 Hora de Brasília) vemos o violento ciclone OLAF, à esquerda da foto, algumas horas após atingir as ilhas Samôa, no Pacífico Sul.

No momento da imagem, captada pelo satélite GOES-10 orbitando a 36 mil quilômetros de altitude, Olaf rumava em sentido sudeste e produzia ventos sustentados de 210 km/h, sendo um poderoso ciclone categoria 4 da escala Saffir-Simpson, que vai até 5. Antes de atingir as Ilhas Samôa, os ventos sustentados da tempestade atingiram 249 km/h, o que fez de Olaf um poderoso sistema de Categoria 5, a mais forte da escala. Com essa intensidade atingiu as Samôas.

Segundo o centro Conjunto de alerta de tufões, JTWC, Olfa deve perder força nas próximas horas.

Na cena mostrada podemos ver outro sistema à direita. Trata-se da tempestade Nancy, que há alguns dias alcançou a categoria 3 na escala Saffir-Simpson. No momento da imagem Nancy havia perdido força e rumava para noroeste, em direção à Olaf. Segundo especialistas, as duas tempestades deverão juntar-se e formar um único sistema de intensidade decrescente.







Termo de Uso  |   Links Úteis  |   Imprensa  |  Anuncie  |  Fale Conosco  |  Versão Celular  |   Política de Privacidade

Apolo11.com - Todos os direitos reservados - 2000 - 2019

"A aventura pode ser louca; mas o aventureiro, para levá-la a cabo, há de ser muito equilibrado" - Chesterton