Quinta-feira, 25 ago 2011 - 09h16

Poderoso furacão Irene ameaça costa sudeste dos EUA

O Centro Nacional de Furacões dos EUA, NHC, informou em seu boletim número 20 que o poderoso furacão Irene deverá tocar a costa sudeste dos EUA nas próximas 48 horas e alertou à Defesa Civil para a possibilidade de uma possível evacuação das áreas litorâneas da Carolina do Norte e da Virgínia.

Furacão irene
Clique para Ampliar

Irene é um poderoso sistema de categoria 3 na escala Saffir-Simpson, com ventos sustentados de 185 km/h. Segundo o NHC, Irene deverá ganhar força nas próximas horas e atingir o status de categoria 4, com ventos que podem ultrapassar a marca de 210 km/h.

Imagens de satélite registradas às 06h00 mostram que a poderosa tormenta está localizada sobre as coordenadas 24.6 N e 76.2 W, a 130 km a leste-sudeste de Nassau, nas Bahamas e 1180 km ao sul de cabo Hatteras, na Carolina do Norte.

A Defesa Civil do país, FEMA, ordenou a retirada imediata dos turistas da área de Dare County, na Carolina do Norte, mas permitiu que residentes permaneçam na área até novas instruções.


Irene
Irene se move em sentido noroeste a 19 km/h e uma ligeira mudança rumo ao norte-noroeste está prevista para o dia de hoje. Com isso, o furacão deverá contornar a costa da Flórida e seguir em direção norte, com grande possibilidade de atingir os estados da Carolina do Norte e da Virgínia nas próximas 48 horas.

furacão irene

Irene é um sistema de baixa pressão de grande porte. A pressão barométrica estimada no olho do furacão é de 950 hectoPascais, mas deverá baixar ainda mais à medida que se intensifica.

Ventos com intensidade de furacão se estendem a mais de 110 km desde o núcleo da tormenta, enquanto ventos com força de tempestade tropical podem ser registrados a mais de 410 km a partir do seu centro.

Segundo o NHC, surtos de tempestade deverão elevar o oceano 3.5 metros acima do nível médio próximo à costa das Bahamas, produzindo ondas que poderão ultrapassar 7 metros de altura.

Surto de tempestade é elevação anormal e instável da água do mar, provocada pela forte queda de pressão causada pelo furacão acima do oceano.

Swells provocados por Irene também são esperados em toda a porção sudeste dos EUA, desde o extremo sul da Flórida até o Estado da Geórgia.

Irene é o primeiro furacão a atingir os EUA nos últimos 3 anos. Em 2008 o país foi castigado pelo furacão Ike, de categoria 2, que tocou o continente na região de Galveston, no Texas. O último furacão de categoria 3 que tocou o solo americano foi Wilma, no ano de 2005. No mesmo ano, outro furacão, Katrina, devastou a cidade de Nova Orleans, no Golfo do México.

LEIA MAIS NOTÍCIAS
Base de Dados Completa

Se você precisa de uma base de dados de latitude e Longitude das cidades brasileiras, clique aqui.
Podemos fornecer uma base completa, com mais de 5500 cidades em formato Excel.
Ideal para Projetos, Desenvolvimentos e construção de aplicativos.














Termo de Uso  |   Links Úteis  |   Imprensa  |  Anuncie  |  Fale Conosco  |  Versão Celular  |   Política de Privacidade

Apolo11.com - Todos os direitos reservados - 2000 - 2019

"Existem velas que iluminam tudo, menos o próprio candelabro" - Hebbel