Quarta-feira, 24 set 2008 - 09h36

Sonda Ulysses: vento solar mais fraco diminui escudo natural

Dados recentes coletados pela sonda euro-americana Ulysses indicam que o Sol reduziu as emissões do vento solar ao menor nível já registrado nos últimos 50 anos. De acordo com cientistas que estudam os dados, o atual nível de emissão pode reduzir a blindagem cósmica natural que circunda o Sistema Solar.

Heliosfera e Heliopausa

"O vento solar é o responsável por manter uma espécie de bolha de proteção, chamada heliosfera, ao redor do Sistema Solar. Ele influencia diretamente o modo como as coisas funcionam aqui na Terra e até mesmo além dos limites do Sistema Solar", disse Dave McComas, cientista-chefe da missão Ulysses e responsável pelo instrumento do vento solar junto à universidade de San Antonio, no Texas. "Os dados indicam que a pressão global do vento atingiu o menor nível desde que começou a Era Espacial.

Vento Solar
Vento solar é uma esteira de partículas carregadas que foram ejetadas da alta atmosfera solar em forma de plasma (gás incandescente). Deslocando-se a mais de 1 milhão de km/h, o vento solar interage com todos os planetas e define a fronteira entre o Sistema Solar e o espaço interestelar.

Raios Cósmicos
Esse limite, chamado de heliopausa, se propaga até onde a intensidade dos ventos não é mais capaz de deter o vento solar vindo de outras estrelas. A região ao redor da heliopausa age como um escudo protetor do Sistema Solar, bloqueando porção significativa dos raios cósmicos.

"Os raios cósmicos são portadores da radiação de outras partes da galáxia", explica Ed Smith, um dos projetistas da sonda Ulysses junto ao JPL, laboratório de Propulsão a Jato, da Nasa. "Com o vento solar mantido em níveis tão baixos, a tendência da heliosfera é diminuir de tamanho e intensidade. Se isso ocorrer, mais raios cósmicos penetrarão no interior do Sistema Solar".

Os raios cósmicos são de grande interesse das agências espaciais, já que as missões interplanetárias e também as atividades humanas no espaço estão permanentemente expostas à radiação.

Baixa atividade
Em 2007, a sonda Ulysses fez a terceira varredura do vento e do campo magnético solar. Quando os dados foram comparados às observações do ciclo solar anterior, comprovou-se que a pressão do vento solar e do campo magnético haviam decaído em 20%, enquanto a intensidade do campo próximo à sonda havia reduzido em 36%.

"A atividade solar varia em ciclos de 11 anos. Agora estamos no período de mínima atividade, mas ninguém imaginaria que duraria tanto tempo assim", disse Smith.


Arte: Concepção artística mostra o formato e limite da heliopausa e da heliosfera. A cena também mostra a posição atual das sondas interplanetárias Voyager 1 e Voyager 2. Crédito: Nasa.

LEIA MAIS NOTÍCIAS
Base de Dados Completa

Se você precisa de uma base de dados de latitude e Longitude das cidades brasileiras, clique aqui.
Podemos fornecer uma base completa, com mais de 5500 cidades em formato Excel.
Ideal para Projetos, Desenvolvimentos e construção de aplicativos.














Termo de Uso  |   Links Úteis  |   Imprensa  |  Anuncie  |  Fale Conosco  |  Versão Celular  |   Política de Privacidade

Apolo11.com - Todos os direitos reservados - 2000 - 2019

"Ler é entrar num continente que já foi percorrido por uma quantidade de pessoas antes, mas que continua virgem, de uma certa maneira" - José Saramago