AGRADECIMENTOS

Agradecemos a todos os colaboradores que têm tornado possível a continuidade do nosso trabalho, permitindo que os conteúdos permaneçam gratuitos e acessíveis a todos.

Nosso Muito Obrigado!

Colabore também. Clique aqui.

Segunda-feira, 27 jul 2009 - 07h19

Telescópio Chandra completa 10 anos de observações espaciais

O Telescópio de raios-X Chandra colocado em órbita em torno da Terra pela agência espacial americana faz aniversário. São 10 anos de observações e descobertas trazendo riquezas sem precedentes para a astronomia.


Clique para ampliar

Chandra, um satélite capaz de monitorar o céu em raios-X, foi lançado em julho de 1999 pelo ônibus espacial Columbia.

Ao lado de outros importantes telescópios, como o Hubble, Chandra já duplicou sua missão inicial de cinco anos.

Com a sua incomparável capacidade de criar imagens de raios-X de alta resolução, o Telescópio Chandra permitiu aos astrônomos estudar diversos fenômenos, tais como cometas, buracos negros, supernovas, matéria escura e outros. As imagens captadas pelo telescópio imagens são verdadeiramente incríveis.



Foto: A imagem mostra os restos da supernova E0102, localizada a 190 mil anos-luz de distância, na Pequena Nuvem de Magalhães, uma das galáxias mais próximas da Via lactea. A supernova foi criada após a explosão de uma estrela muito mais massiva que o Sol e foi vista no hemisfério sul há 1000 anos atrás. Crédito: X-ray: NASA/CXC/MIT/D.Dewey et al. and NASA/CXC/SAO/J.DePasquale. Optical: NASA/STScI

LEIA MAIS NOTÍCIAS
Base de Dados Completa

Se você precisa de uma base de dados de latitude e Longitude das cidades brasileiras, clique aqui.
Podemos fornecer uma base completa, com mais de 5500 cidades em formato Excel.
Ideal para Projetos, Desenvolvimentos e construção de aplicativos.









Termo de Uso  |   Links Úteis  |   Imprensa  |  Anuncie  |  Fale Conosco  |  Versão Celular  |   Política de Privacidade

Apolo11.com - Todos os direitos reservados - 2000 - 2020

"Não é por termos vivido um certo número de anos que envelhecemos. Envelhecemos porque abandonamos o nosso ideal" - General Mac Arthur -