Terça-feira, 09 dez 2008 - 09h25

Torre Móvel será reconstruída para lançamentos brasileiros

O Comando-Geral da Tecnologia Aeroespacial (CTA) assinou na última semana uma autorização para o início das obras de reconstrução da Torre Móvel de Integração (TMI).

O equipamento possibilita o lançamento de satélites brasileiros ao espaço. A última torre foi desativada em um acidente ocorrido em 2003, no Centro de Lançamento de Alcântara no Maranhão.

De acordo com o Ministério da Ciência e Tecnologia a obra terá um custo de R$ 40 milhões e será concluída em 18 meses.

O Veículo Lançador de Satélites (VLS) brasileiro já realizou dois lançamentos testes, em 1997 e 2001, ambos para certificar o potencial e a qualidade do foguete.

O próximo lançamento brasileiro está previsto após o término da construção da Torre Móvel, o que deve acontecer em meados de 2010.

O VLS mede cerca de 19 metros e tem quatro estágios. O veículo é capaz de lançar uma carga de até 350 kg a uma órbita de 300 km.

LEIA MAIS NOTÍCIAS
Base de Dados Completa

Se você precisa de uma base de dados de latitude e Longitude das cidades brasileiras, clique aqui.
Podemos fornecer uma base completa, com mais de 5500 cidades em formato Excel.
Ideal para Projetos, Desenvolvimentos e construção de aplicativos.














Termo de Uso  |   Links Úteis  |   Imprensa  |  Anuncie  |  Fale Conosco  |  Versão Celular  |   Política de Privacidade

Apolo11.com - Todos os direitos reservados - 2000 - 2019

"Dizer a verdade é tão difícil quanto ocultá-la" - Baltasar Gracin