Espaço - Ciências - Fenômenos Naturais
Compartilhe! 

Editoria: Fenômenos Naturais - Furacões
Segunda-feira, 25 jun 2007 - 09h17

Nova tempestade tropical avança sobre o Mar da Arábia

Três semanas após sofrerem com os intensos ventos provocados pelo raro ciclone Gonu, países costeiros do Mar da Arábia temem agora pela formação de um novo ciclone tropical. Batizado oficialmente de 03B, a tempestade ainda não tem nome, que será dado assim que seus ventos se intensificarem e atingirem a velocidade de 61 km/h, previsto para acontecer nas próximas horas.


Veja no Satmaps a região do Golfo de Omã

De acordo com boletim divulgado na manhã desta segunda-feira pelo Centro Conjunto de Alertas de Tufões, JTWC, o centro da tormenta se localiza sobre as coordenadas 22.9 N e 67.3 E, aproximadamente a 200 quilômetros ao sul de Karachi no Paquistão. Dados meteorológicos coletados por bóias localizadas naquela região indicam que os ventos sustentados já chegam a 59 km/h com rajadas que superam a marca de 75 km/h.

Imagens de satélites mostram que 03B move-se em sentido noroeste a 18 km/h e de acordo com modelos matemáticos de previsão deverá manter esse rumo pelas próximas 24 horas. Confirmando-se esta tendência, a tempestade alcançará a entrada do Golfo de Omã na terça-feira pela manhã, provocando violentas tempestades na fronteira entre Irã e Paquistão. Na quarta-feira tocará o continente na região iraniana de Chah Bahar.


Gonu
A formação de ciclones tropicais sobre o mar da Arábia são fenômenos raros, mas nem por isso de fraca intensidade. No último dia 2 de junho de 2007 a mesma região que agora recebe a visita de 03B sentiu de perto a violência de um furacão.

Em menos de 2 dias, a tempestade passou de uma forte tempestade tropical de 70 km/h para um violento ciclone tropical de categoria 5 na escala Saffir-Simpson, com ventos de 279 km/h, de acordo com o departamento de meteorologia da Universidade do Hawaí.

Gonu causou 28 vítimas fatais, a maior parte em conseqüência das enchentes verificadas em Muscat, capital de Omã. No Irã, 3 pessoas morreram devido às torrenciais chuvas atípicas naquela árida região. A tempestade foi a mais intensa a atingir a península arábica desde 1945.

Fotos: No topo, imagem multiespectral feita pelo satélite Metsat durante a madrugada do dia 25 de junho. Abaixo, modelo matemático mostra a previsão de avanço do ciclone dentro do Golfo de Omã. Acima, foto de satélite do ciclone tropical Gonu, no dia 5 de junho, quando a tormenta atingiu o máximo da escala Saffir-Simpson.

Veja no Satmaps a região do Golfo de Omã







Apolo11.com - Todos os direitos reservados - 2000 - 2018
Política de Privacidade   |     Termo de Uso e Licenciamento   |  -   Entre em Contato

"As leis não são feitas para o homem bom" - Sócrates