Espaço - Ciências - Fenômenos Naturais
Compartilhe! 

Editoria: Fenômenos Naturais - Furacões
Sexta-feira, 2 dez 2005 - 14h21

Tempestade tropical Epsilon vira furacão sobre o Atlântico

Mesmo tendo terminada no último dia 30 de novembro, a intensa temporada de furacões continua ativa no Atlântico norte.

Nesta tarde sexta-feira, o Centro Nacional de Furacões dos EUA, NHC, informou que a tempestade tropical Epsilon, a vigésima-sexta da temporada, foi elevada à categoria de furacão categoria 1 na escala Saffir-Simpson.

A formação de Epsilon rompe todos os recordes históricos de formação de furacões em uma única temporada.

De acordo com o boletim número 13, emitido pelo insituto, Epsilon se localiza sobre as coordenadas 33.7 N e 48,2 W, ou aproximadamente a 1965 quilômetros a oeste do arquipélogo português dos Açores.

Epsilon se move em sentido nordeste a 22 km/h, e que manter este movimento nas próximas 24 horas.

Os ventos máximos produzidos por Epsilon já atingem a categoria 1 na escala Saffir-Simpson, com 122 km/h e rajadas de 159 km/h. Um gradual enfraquecimento neste sistema está previsto para hoje à noite ou sábado.

Ventos com intensidade de furacão estão sendo detectados a 30 km desde o olho de Epsilon enquanto ventos com intensidade de tempestade tropical são verifivados até 200 km desde o centro.

A pressão barométrica estimada é da ordem de 987 hPa (hectopascais).

  • Conheça a escala Saffir-Simpson


    Veja abaixo como se forma um furacão

    Satélite ao vivo
    Acompanhe as imagens atualizadas da região do golfo do México vistas através do satélite geoestacionário GOES-12.
    Clique aqui !







  • Apolo11.com - Todos os direitos reservados - 2000 - 2018
    Política de Privacidade   |     Termo de Uso e Licenciamento   |  -   Entre em Contato

    "O diabo é um otimista se pensa que pode fazer as pessoas piores do que são. " - Karl Kraus