Mapas e imagens de satélite sobrepostos




   Novembro de 2005
   Telescópio Spitzer registra luz de estrelas primordiais


Astrônomos do Centro Espacial Goddard, da Nasa, dizem ter detectado a radiação emitida por estrelas que surgiram quando o Universo ainda engatinhava.

De acodo com os pesquisadores, elas nasceram a apenas 100 milhões de anos depois do Big Bang, que aconteceu há 13,7 bilhões de anos.

Para chegarem a esta conclusão, os astrônomos usaram dados coletados pelo Telescópio Espacial Spitzer da radiação cósmica - luz infravermelha invisível para o homem - de uma "fatia" do céu. Eles então subtraíram deste mapa todos os níveis de radiação de todas as galáxias conhecidas, para trabalhar apenas com o que sobrou - o que, para eles, representa as primeiras estrelas. Foi como separar a voz de uma pessoa em meio ao barulho gravado em um estádio de futebol em dia de jogo.

A imagem acima mostra a constelação de Draco. Na parte superior vemos a imagem normal da constelação e abaixo o resultado da aplicação de "máscaras" sobre estrelas e galáxias mais próximas. O resultado é um padrão de formação que não pode ser atribuído a galáxias ou estrelas modernas.

Saiba mais sobre o assunto clicando aqui

Março de 2007
A caminho de Plutão sonda fotografa vulcão em erupção em lua de Júpiter

Fevereiro de 2007
Satélite mostra rua de nuvens sobre os Grandes Lagos

Janeiro de 2007
Cometa C2006 P1 McNaught visível sobre São Caetano




Apolo11.com - Todos os direitos reservados - 2000 - 2018
Política de Privacidade   |     Termo de Uso e Licenciamento   |  -   Entre em Contato

"As leis não são feitas para o homem bom" - Sócrates