Apolo11.com - Imagens de satélite, tecnologia e fenômenos naturais




Boletim StarsatNews                       São Paulo, 13 de Outubro de 2003

Apresentação dos sinais de áudio dos satélites NOAA

Em nosso último boletim Starsat News falamos sobre a recepção de imagens de satélites meteorológicos em nossa estação particular.

Sempre mostramos as imagens que recebemos diretamente dos satélites e isso gerou algumas dúvidas. Recebemos vários e-mails de internautas querendo saber um pouco mais sobre o assunto, principalmente querendo saber como são os sinais enviados pelo satélite.

Pois bem, hoje vamos mostrar como são os sinais que recebemos dos satélites quando estes passam sobre nossa estação em 3 momentos distintos.

Para receber os sinais dos satélites NOAA são necessários um programa de rastreio de satélites, um rádio VHF que receba a frequencia de 137.620 kHz e uma antena externa adequada.
Para decodificar estes sinais são necessários um computador equipado com placa de som e um software decodificador (foto ao lado).

O programa de rastreio é usado para determinar onde o satélite está e em qual momento seus sinais poderão ser captados.
Alguns minutos antes do satélite "subir" acima da linha do horizonte, o equipamento de rádo é ligado e sintonizado em 137.620 khz. Também é preparado o computador que vai decodificar esta imagem. O software decodificador é executado e mantido em stand-by.

Enquanto o satélite está abaixo da linha do horizonte, nenhum sinal é captado e apenas o forte ruído produzido pelo rádio pode ser ouvido.

A partir do momento que o satélite surge no horizonte começamos a ouvir um baixo sinal sonoro agudo que vai aumentando de intensidade à medida que o satélite aumenta sua elevação sobre o horizonte. Em um bom sistema de recepção, os sinais já são perfeitamente audíveis quando o satélite está a apenas 5 graus de elevação acima da linha do horizonte.

Conforme o satélite se aproxima de nossa estação, seu sinal vai aumentando e após 3 minutos aproximadamente o software decodificador é acionado. Neste momento o sinal do satélite já é suficientemente forte para que a imagem a ser decodificada não apresente muito ruído.

Durante 10 minutos o programa de decodificacão desenha, linha por linha, a mesma imagem que os sensores do satélite estão vendo 800 km abaixo.

No quadro azul acima, separamos 3 arquivos de áudio em formato WAV que mostram os sinais recebidos do satélite NOAA-17 às 10h03 (Hora de Brasília) em nossa estação de sensoriamento remoto. Esses sinais foram captados usando-se um receptor Kenwood TM-241.



APRENDA MUITO MAIS !

Se você gosta de imagens de satélites ou radiofotos, saiba que é muito fácil decodificar diretamente as imagens transmitidas. No caso dos satélites NOAA, a imagem é ao vivo e mostra exatamente o que o satélite está vendo naquele momento !
Saiba como, adquirindo já o Manual Completo versão 2003!   Clique Aqui !








Receba gratuitamente o Boletim StarsatNews
em seu e-mail.    Cadastre-se já !


IMAGENS DE SATÉLITES !    Clique e conheça nosso Vídeo Workshop de sensoriamento remoto e imagens meteorológicas.
Apolo11.com - Todos os direitos reservados - 2001 - 2018
Política de Privacidade

"A gente só diz sim ou não no casamento e, ainda assim, às vezes erra." - Itamar Franco